Esporte

Programa destina R$ 1 milhão para compra de equipamentos esportivos

Para receber a verba, administrações regionais e entidades precisarão apresentar a demanda ao governo

Correio Braziliense
postado em 23/09/2020 12:02
 (crédito: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)
(crédito: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)

Até o fim deste ano, a Secretaria de Esporte do Distrito Federal deve repassar R$ 1 milhão para as regiões administrativas e organizações sociais sem fins lucrativos adquirirem equipamentos esportivos. A medida faz parte do programa Esporte nas Ruas, lançado nesta quarta-feira.

De acordo com a pasta, serão utilizados recursos do Fundo de Apoio ao Esporte (FAE), provenientes da loteria federal. Para receber a verba, as administrações e entidades precisarão apresentar a demanda ao governo. “Ele (o programa) vai equipar todos as cidades do Distrito Federal. São 40 federações que vão receber equipamentos, vão receber treinamento para utilização desses materiais de esportes e com isso a gente vai chegar lá na ponta, que é o que importa”, afirmou o governador Ibaneis Rocha (MDB).

A promessa da secretária de Esportes, Celina Leão, é começar a entregar os equipamentos na próxima semana. Os administradores regionais e organizações que ainda não enviaram o levantamento dos objetos que desejam adquirir serão capacitados para acessar o recurso. “Nós estamos capacitando e fazendo um treinamento para que essas pessoas se capacitem para buscar acessar esse recurso, para realizar a compra desses equipamentos", disse Celina.

Entre os produtos que poderão ser adquiridos estão bolas de goalball, futebol de areia, campo e salão, futsal, vôlei de praia, vôlei de quadra, tênis de mesa, frescobol, handebol, polo aquático e basquetebol; redes de badminton, futebol society, vôlei, futsal, futebol de areia, tênis de mesa e para guardar bolas; raquetes de badminton, tênis de mesa e quadra, coletes para treinos de futebol de campo, cones para treinos, colchonetes de ginástica, tatame, quimono, medalhas e troféus.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação