Obras

GDF lança licitação para nova etapa das obras da Estrada Setor Policial Militar

O valor da licitação é de cerca de R$56 milhões. A primeira etapa já está em andamento. Segundo o secretário de Obras, Luciano Carvalho, a previsão é de que quatro obras do projeto estejam em andamento no ano que vem

Correio Braziliense
postado em 12/11/2020 19:47
 (crédito: Secretaria de Obras)
(crédito: Secretaria de Obras)

O Governo do Distrito Federal (GDF) lançou nesta semana licitação para contratação de empresa responsável por executar a segunda etapa das obras de reformulação do sistema viário na Estrada Setor Policial Militar (ESPM), relativo ao trecho entre o cruzamento da Estrada Parque Indústrias Gráficas (EPIG)/ESPM e o viaduto da W3 Sul.

A obra faz parte das ações de implantação do corredor exclusivo de transporte público coletivo no Sistema BRT, o denominado Corredor Eixo Oeste. As faixas exclusivas do corredor ligará o Sol Nascente ao Plano Piloto, juntando Hélio Prates, EPIG e ESPM, levando ao Terminal da Asa Sul. O objetivo é reduzir em meia hora o tempo de deslocamento até o Plano Piloto.

O valor de contratação é de cerca de R$56 milhões. A empresa que ganhar a licitação deverá executar serviços de pavimentação, drenagem, sinalização, paisagismo, calçadas, ciclovias e execução de bacia de detenção, localizada na área de Relevante Interesse Ecológico (Arie) Santuário de Vida Silvestre Riacho Fundo Área III, na via L4.

O edital, termo de referência e anexos estão no site da Novacap. A licitação está prevista para acontecer no dia 11 de dezembro.

Os serviços da primeira etapa de revitalização da via ESPM já estão em andamento. Essa etapa consiste na construção de dois viadutos, obras de pavimentação e drenagem no valor de R$ 7,6 milhões. O primeiro viaduto está sendo construído na alça de acesso da via ao Eixo W, conhecido como “eixinho de cima”. Já o outro é localizado na alça de acesso ao Eixo L, o “eixinho de baixo”, sentido L4.

Segundo o secretário de Obras, Luciano Carvalho, as construções da primeira etapa estão dentro do cronograma previsto. “Agora, com mais essa licitação na praça, a previsão é de que quatro obras do projeto do Corredor Eixo Oeste estejam em andamento no próximo ano”, completa.

Supervisão

O GDF lançou, na semana passada, a licitação para a contratação de empresa responsável por supervisionar as obras de reformulação do sistema viário na ESPM, no trecho entre o cruzamento da EPIG/ESPM e o viaduto da W3 sul. O investimento é de cerca de R$2,9 milhões. O objetivo é tornar eficiente a fiscalização, a segurança e o andamento dos serviços.

A licitação está prevista para o dia 2 de dezembro. A empresa contratada irá realizar contraprovas dos ensaio de controle tecnológico, acompanhar a instrumentação, aprovar projetos, avaliar medições e contribuir com Relatório de Impacto Ambiental (RIAC).

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação