Pandemia

Vacinação contra covid-19 deve ser ampliada para idosos acima de 75 anos no DF

A previsão da chegada das novas doses para atender a este público é sábado (6/2). Em entrevista ao CB.Poder, o secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, comentou sobre a campanha de vacinação contra covid-19 no DF

Pedro Marra
postado em 02/02/2021 15:15 / atualizado em 02/02/2021 15:44
 (crédito: Ed Alves/CB/DA Press)
(crédito: Ed Alves/CB/DA Press)

Após o início da vacinação para idosos acima de 80 anos por drive-thru, nesta segunda-feira (2/2), em várias Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do Distrito Federal, o programa CB.Poder — uma parceria do Correio Braziliense com a TV Brasília — recebeu o secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, para uma entrevista sobre o trabalho de vacinação realizado pela pasta.

“Pela previsão que o Ministério (da Saúde) nos passou, da chegada de mais de 60 mil doses, estaremos abrindo para o público acima de 75 anos, que vai girar em torno de 30 a 35 mil idosos nesta faixa etária. Aí, então, a gente guarda a segunda dose, para que não haja falta lá na frente e que se possa completar a imunização, como dizem as pesquisas clínicas dessas vacinas”, afirmou, ao jornalista Vicente Nunes.

Segundo o secretário, as filas não foram exclusividade de Brasília e ocorreram no mundo inteiro. "Todos os locais que iniciaram as vacinações nos seus grupos etários tiveram filas. Logicamente, considerando os países mais desenvolvidos, terão uma melhor condição de fazer o atendimento. Aqui, estamos melhorando a capacidade de fazer esse atendimento, tanto é que começamos o drive-thru hoje, terça-feira (2/2)", diz. Para tentar agilizar o processo, ele diz que as pessoas que aguardam no carro podem preencher a ficha de vacinação. Okumoto também disse que a secretaria está trabalhando para melhorar e tornar mais ágil a vacinação.

Ele acredita que logo o Brasil terá capacidade para vacinar todo mundo. "A capacidade que a gente tem de treinamento para poder fazer isso é muito grande. Só que temos essa particularidade da pandemia do novo coronavírus, em que a ansiedade aumentou muito. Todo mundo quer vacinar. Acredito que até o fim do ano, todo mundo estará vacinado aqui no Brasil", diz. 

Público ampliado

A previsão do Ministério da Saúde é de repassar 60 mil doses ao DF. Elas serão usadas para abrir a vacinação para os idosos acima de 75 anos. Segundo Okumoto, o DF tem em torno de 30 a 35 mil idosos nessa faixa etária. A segunda dose será guardada para que não haja falta quando vencer o período da aplicação.

A previsão de chegada das novas doses é para sábado (6/2). Segundo o secretário, o Ministério da Saúde tentou antecipar a chegada das doses para esta terça (2/2), o que não se concretizou. Mesmo assim, Okumoto garante que a pasta tem cumprido o cronograma de entrega e que o novo lote deve chegar no fim de semana. 

  • Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília
    Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília Foto: Ed Alves/CB/DA Press
  • Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília
    Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília Foto: Ed Alves/CB/DA Press
  • Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília
    Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília Foto: Ed Alves/CB/DA Press
  • Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília
    Secretário de Saúde do DF, Osnei Okumoto, dá entrevista ao CB Poder sobre trabalho de vacinação em Brasília Foto: Ed Alves/CB/DA Press
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE