AUMENTO

Piso salarial de advogados do DF é reajustado em 6,5%

Categoria passará a receber, por quatro horas diárias ou 20 semanais, mínimo de R$ 3,1 mil

Ana Isabel Mansur
postado em 05/02/2021 18:22
Reajuste considera o piso salarial do advogado e aplica INPC do ano, que foi de 5,45%, acrescido de 1% -  (crédito: OAB/Reprodução)
Reajuste considera o piso salarial do advogado e aplica INPC do ano, que foi de 5,45%, acrescido de 1% - (crédito: OAB/Reprodução)

Advogados que atuam no Distrito Federal vão ter reajuste no piso salarial a partir deste mês. A decisão foi aprovada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/DF) nesta quinta-feira (4/2), e a vigência do novo valor é para o mês de fevereiro.

De acordo com a decisão, o aumento será de 6,5%, tanto para jornadas de quatro horas diárias ou vinte semanais, quanto para períodos de oito horas por dia ou 40 horas semanais trabalhadas.

Com o reajuste, portanto, o piso do salário dos advogados do DF passa, para a jornada de até quatro horas diárias ou 20 horas semanais, de R$ 2.962,45 para R$ 3.153,52 mensais. Para jornadas de até oito horas diárias ou 40 horas semanais, a remuneração vai mudar de R$ 4.389,82 para R$ 4.672,96 mensais.

O reajuste considera o piso salarial do advogado empregado privado no ano de 2020 e aplica o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano, que foi de 5,45%, acrescido de 1%, como prevê a Lei Distrital 5.368, de 9 de julho de 2014, que criou o piso o salarial.

O salário-mínimo em 2021 é de R$ 1,1 mil, com correção de 5,26% sobre o piso anterior de R$ 1.045, o que representa um aumento de R$ 55.  O reajuste do salário-mínimo, no entanto, ainda deve ser corrigido para índices mais atuais, já que o valor ficou abaixo da inflação de 2020

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE