Pandemia

Covid-19: Saúde suspende vacinação de grávidas no DF

Segundo nota da Secretaria de Saúde, a pasta aguarda as recomendações técnicas do Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde para retomar a imunização deste grupo

Correio Braziliense
postado em 11/05/2021 14:22 / atualizado em 11/05/2021 14:23
A suspensão veio após investigação de efeito adverso da vacina em grávida no Rio de Janeiro -  (crédito: JOE KLAMAR)
A suspensão veio após investigação de efeito adverso da vacina em grávida no Rio de Janeiro - (crédito: JOE KLAMAR)

A Secretaria de Saúde do Distrito Federal decidiu suspender a vacinação contra a covid-19 e o agendamento de grávidas. A decisão vem após uma recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), após "evento adverso" à vacina da AstraZeneca investigado pelo Ministério da Saúde.

Segundo a pasta local, a suspensão estará em vigor até que as recomendações técnicas do Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde sejam encaminhadas. A orientação é que as gestantes aguardem para as novas recomendações.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, o ministério investiga a morte de uma mulher, no Rio de Janeiro, vacinada com este fármaco. Além do DF, São Paulo e Rio de Janeiro suspenderam a vacinação de grávidas. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE