Polícia

Abordagem policial truculenta a atleta negro em Goiás viraliza

O caso ocorreu na Cidade Ocidental e motivou milhares de comentários que identificaram como racista a ação dos militares

Correio Braziliense
postado em 29/05/2021 10:14 / atualizado em 29/05/2021 10:14
 (crédito: Twitter/ Reprodução)
(crédito: Twitter/ Reprodução)

Uma abordagem policial ao atleta e youtuber negro Filipe Ferreira viralizou nas redes sociais e foi criticada por racismo. No vídeo, que teria sido registrado em um parque da Cidade Ocidental (GO), dois policiais militares param o atleta que treinava de bicicleta e, de forma truculenta, ordenam que ele se posicione para ser revistado. 

O jovem questionou a maneira como os policiais falaram. Um deles apontava a arma para Filipe e mandava, repetidamente, que ele colocasse as mãos na cabeça.

Diante dos questionamentos de Filipe, o policial o algemou e disse que iria conduzi-lo à delegacia. A filmagem é cortada neste momento. 

Vejo o vídeo:

No Instagram, Filipe postou o vídeo, mas não falou sobre o assunto. Ele recebeu diversos comentários, mas, até o momento, não respondeu. A reportagem também tentou contato com Filipe. 

Procurada pelo Correio, a PMGO também não se manifestou. O espaço segue aberto. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE