Incêndio

Defesa Civil avalia risco de desabamento em supermercado que pegou fogo

Supermercado pegou fogo na região do Colorado, próximo ao Taquari. Segundo os bombeiros, uma parede pode estar comprometida

Correio Braziliense
postado em 13/08/2021 16:45 / atualizado em 14/08/2021 01:10
 (crédito: Carlos Vieira/CB/D.A. Press)
(crédito: Carlos Vieira/CB/D.A. Press)

Uma equipe da Defesa Civil avalia se há risco de desabamento no supermercado Supercei, que pegou fogo no início da tarde desta sexta-feira (13/8). Duas horas e meia após o início do incêndio os bombeiros controlaram as chamas, mas ainda atuam no rescaldo, para resfriar as paredes e evitar a reignição do fogo.

Segundo o tenente-coronel Vieira, do Corpo de Bombeiros, há uma parede comprometida, assim como o telhado do depósito, onde teria começado o incêndio. “As chamas foram controladas, estamos em fase de rescaldo agora e esperando o ambiente ficar em melhor condições para análise da Defesa Civil”, disse.

O Corpo de Bombeiros ainda não tem informações de feridos, nem detalhes sobre o que teria causado o incidente. Segundo a corporação, no momento do incidente, havia clientes e funcionários no interior do estabelecimento, que conseguiram evacuar do local, sem pessoas feridas ou animais envolvidos.

Relatos do Departamento de Estradas e Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) dão contam de que a grande quantidade de fumaça deixou o trânsito mais lento, na Epia Norte, sentido Sobradinho. Durante a operação, os bombeiros usaram aproximadamente 9 mil litros de mistura com espuma extintora, com função de abafamento e resfriamento, e cerca de 63 mil litros de água bruta.

Ainda de acordo com o CBMDF, as vias nas imediações da loja ficaram interditadas durante o atendimento. "Parte da edificação apresentava grave risco de colapso e necessitou ser demolida, para proporcionar um combate mais seguro aos militares.

Um trabalhador do mercado, que preferiu não se identificar, estava no local no momento do ocorrido. Segundo ele, tudo começou com um curto circuito em uma obra no depósito. “O fogo rapidamente se espalhou pela loja. Mas, assim que percebemos o início das chamas, tiramos todos os funcionários e clientes no local”, relata.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE