TRÂNSITO

Acidente no Lago Sul deixa um homem morto e uma criança gravemente ferida

Vítima, de 25 anos, ficou presa nas ferragens do carro que conduzia e chegou a ser reanimada pelos bombeiros, mas não resistiu. A condutora do outro veículo envolvido não sofreu ferimentos graves

Correio Braziliense
postado em 17/08/2021 18:11 / atualizado em 17/08/2021 18:19
Nas imagens, é possível ver que o carro dirigido pelo rapaz ficou completamente destruído -  (crédito: CBMDF/Divulgação)
Nas imagens, é possível ver que o carro dirigido pelo rapaz ficou completamente destruído - (crédito: CBMDF/Divulgação)

Um homem de 25 anos morreu em uma colisão de trânsito na subida da QI 23 do Lago Sul, na tarde desta terça-feira (17/8), por volta das 13h50. O jovem, identificado apenas como Emerson, dirigia um VW Gol verde, que se chocou contra uma Fiat Toro preta. Nas imagens, é possível ver que o carro dirigido pelo rapaz ficou completamente destruído. Veja abaixo. 

Dentro do Gol, junto a Emerson, estava um menino de 6 anos, que sofreu traumatismo cranioencefálico grave e luxação no ombro esquerdo. Segundo o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), a criança foi transportada ao Hospital de Base, desorientada e instável.

Os bombeiros atenderam à ocorrência com cinco viaturas e 18 militares. Durante o socorro, a pista ficou completamente interditada. A corporação afirmou que ainda não sabe a dinâmica do acidente, uma vez que as vítimas estavam sem condições de descrever a cena no momento do resgate.

De acordo com o CBMDF, Emerson ficou preso às ferragens do próprio carro e sofreu uma parada cardiorrespiratória. As equipes usaram ferramentas de desencarceramento e, após o resgate do homem, iniciaram manobras de reanimação. Devido aos ferimentos, porém, não foi possível reverter o quadro e o médico dos bombeiros declarou o óbito no local.

A Fiat Toro, conduzida por uma mulher identificada apenas como Daniela, 48 anos, parou de lado, no meio da pista, após a colisão. O CBMDF prestou atendimento a ela no local e levou-a ao Hospital de Base, apesar de Daniela não aparentar estar ferida. Os bombeiros informaram que a mulher estava consciente e orientada.

O local ficou aos cuidados da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), o órgão informou ao Correio que a pista, até as 17h30, ainda não havia sido liberada. Os policiais aguardam guincho para retirar os carros. A PMDF afirmou ainda que, a princípio, um dos veículos perdeu o controle e invadiu a outra faixa. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE