ACIDENTE

Mulher morre atropelada ao tentar atravessar pista da EPTG neste sábado

Após 45 minutos de manobras para ressuscitação, o óbito foi declarado no local pela equipe médica do socorro do Samu e Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal

Correio Braziliense
postado em 09/10/2021 16:43 / atualizado em 09/10/2021 16:55
 Vítima atravessava a pista a poucos metros da passarela de pedestre quando foi atingida -  (crédito: Divulgação - CBMDF )
Vítima atravessava a pista a poucos metros da passarela de pedestre quando foi atingida - (crédito: Divulgação - CBMDF )

Uma mulher de 49 anos morreu atropelada após tentar atravessar a pista da Estrada Parque Taguatinga (EPTG), na altura da faculdade Unieuro, em Águas Claras, neste sábado (9/10). O Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) foi acionado para atender essa ocorrência por volta das 15h. 

A equipe dos bombeiros atuou com o apoio de médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A vítima entrou em parada cardiorrespiratória e, após 45 minutos de manobras de ressuscitação, o óbito foi declarado no local. 

O resgate aéreo do Corpo de Bombeiros também foi acionado para essa ocorrência para dar mais agilidade no deslocamento com a vítima ao hospital, caso necessário. A pista da EPTG ficou fechada para o fluxo dos veículos para o trabalho das equipes de socorro, e o trânsito desviado para as marginais. Por volta das 16h16, a via foi liberada para os veículos.

De acordo com informações dos bombeiros, a vítima foi atingida por um Ford Ka branco que permaneceu no local durante todo o atendimento à vítima. Ela atravessava a pista a poucos metros de uma passarela de pedestres. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE