Reunião

Polícias civis do DF convocam assembleia geral para exigir direitos

Sindicato dos Policiais Civis do DF (Sinpol) marcou assembleia geral para próxima terça-feira (23/11), às 15h, na Agepol. Categoria exige recomposição salarial e assistência à saúde

Pedro Marra
postado em 18/11/2021 22:00
 (crédito: Ana Carneiro/Esp. CB/D.A Press)
(crédito: Ana Carneiro/Esp. CB/D.A Press)

Para exigir direitos como recomposição salarial e assistência à saúde, o Sindicato dos Policiais Civis do Distrito Federal (Sinpol-DF) marcou uma assembleia geral para a próxima terça-feira (23/11), às 15h, na Associação Geral dos Servidores da Polícia Civil do DF (Agepol).

No encontro, haverá uma reunião com autoridades da Secretaria de Segurança Pública do DF (SSP). Segundo o presidente do Sinpol-DF, Alex Galvão, a derrubada do veto de assistência à saúde, feito pelo governo federal, em 4 de junho deste ano, tem sido trabalhada para ser revertida. “Chegamos até este momento aqui e não podemos correr o risco de nadar e morrer na praia”, afirma o representante da entidade.

Segundo ele, a luta é para os profissionais da categoria terem uma assistência à saúde. “O modelo que acreditamos ser o ideal é aquele de forma indenizatória. Começamos uma campanha de valorização desses policiais civis, que a cada dia aguardam a devida valorização”, afirma.

Alex Galvão explica que, em relação à recomposição salarial, tabelas circulam sem a devida veracidade, uma vez que ainda não se tem definido em relação às forças federais. “Vencido o primeiro passo, que foi a autorização da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), agora é o momento de garantir os recursos”, pontua o presidente do Sinpol-DF.

De acordo com o sindicato — com 5.866 filiados — a categoria está com 8.369 cargos no total em prestação de serviço à Polícia Civil do Distrito Federal. Desse grupo, 3.598 são de cargos ativos. Se somados os aposentados e pensionistas, o resultado é de 8,5 mil pessoas. 

 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE