Saúde

Concurso: 366 enfermeiros tomam posse na Secretaria de Saúde do DF

Ao todo, 444 servidores foram nomeados, entre enfermeiros, administradores, farmacêuticos, fonoaudiólogos, entre outros

Renata Nagashima
postado em 22/12/2021 11:58
 (crédito: Renato Alves/Agência Brasília)
(crédito: Renato Alves/Agência Brasília)

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), assinou o decreto de nomeação de enfermeiros aprovados em concursos públicos da Secretaria de Saúde do DF (SES-DF), nesta quarta-feira (22/12). A nomeação dos 366 profissionais deve ser publicada no Diário Oficial do DF nos próximos dias. Os novos enfermeiros que vão integrar o quadro da Secretaria de Saúde são da especialidade de família e comunidade, e tem como foco reforçar a Atenção Primária à Saúde.

"Acreditamos que saúde se faz nas unidades básicas de saúde. É cuidando das famílias que conseguimos fazer saúde. Estamos investindo pesado na construção de UBS's, no reaparelhamento e na consistência das equipes de atendimento à família para que a gente possa realmente ter uma saúde de qualidade no DF. Não vai ser da noite para o dia, mas com trabalho contínuo, ao longo do tempo nós vamos conseguir dar saúde a população do DF”, disse Ibaneis durante a nomeação.

O governador destacou que no início do mandato tinha um plano montado, junto a Secretaria de Saúde, para recuperar o sistema de saúde pública do DF, mas foi interrompido pela covid-19. “A covid fez com que nós tirássemos do serviço da saúde, cerca de 800 UTIs para atender a covid no DF, ainda assim, tivemos dificuldade no atendimento das vítimas de covid. Agora vamos voltar a normalidade, vamos cuidar das cirurgias eletivas e vamos cuidar das pessoas”, afirmou.

O secretário de saúde, general Manoel Pafiadache, destacou o empenho e investimento da pasta nas unidades básicas de saúde. “É evidente o nosso empenho na atenção primária, que é a porta de entrada da saúde no sistema e vai nos ajudar e muito desafogando a alta complexidade. É uma alegria hoje receber 366 novos enfermeiros, que vão nos ajudar muito nesses momentos que estamos vivendo de pandemia”, disse.

Outras nomeações

Além dos 366 enfermeiros, a Secretaria de Saúde contratou 78 novos servidores, sendo 17 administradores, 13 farmacêuticos, 14 enfermeiros de família e comunidade, três enfermeiros obstetras, três analistas de sistemas, um economista, sete fonoaudiólogos, dois contadores, sete técnicos de laboratório em hematologia e hemoterapia, dois médicos endoscopistas, sete cirurgiões de trauma e dois médicos ortopedistas, foram nomeados na última sexta-feira (17/12).

Os novos servidores nomeados das carreiras de médico, enfermeiro, fonoaudiólogo e técnico de hematologia e hemoterapia reforçarão as equipes na atenção hospitalar, secundária, além dos hospitais acoplados de Samambaia e Ceilândia. Os farmacêuticos serão lotados nas unidades básicas de saúde da área rural.

Segundo a Secretaria de Saúde, em 2021, cerca de 5.511 novos servidores, entre temporários (4.277) e efetivos (1.234) foram nomeados. Desde o início da gestão do governador Ibaneis Rocha, foram 10.098 nomeações, sendo 376 em 2019 e 4.211 em 2020.


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE