Cotidiano

Casinha de brinquedo furtada na véspera de Natal é recuperada no Paranoá

Objeto foi levado pelos criminosos na madrugada do dia 24 de dezembro, na praça central do Paranoá. Na segunda-feira (27/12), policiais do 20º Batalhão recuperaram o brinquedo

Correio Braziliense
postado em 28/12/2021 15:52
 (crédito: Divulgação/PMDF)
(crédito: Divulgação/PMDF)

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) recuperou, nesta segunda-feira (27/12), uma casinha de brinquedo que havia sido furtada na praça central do Paranoá. Utilizado por várias crianças da cidade, o brinquedo foi levado por criminosos na madrugada do dia 24 de dezembro. 

A PMDF recebeu uma denúncia anônima onde estaria a casinha, por meio de informações preliminares de vigilantes que fazem a segurança da cidade. Após o desaparecimento do objeto, que atrapalhou os planos da criançada em aproveitar o Natal brincando na praça, os policiais do Grupo Tático Operacional (Gtop 40) foram ao local indicado e recuperaram o brinquedo, que estava abandonado. Por medidas de segurança, a casinha agora ficará na praça somente durante o dia, para que não seja furtada novamente.

Situações inusitadas

Em 12 de dezembro de 2019, por volta das 2h da manhã, um homem chegou de bicicleta em um prédio na Asa Sul, desligou a árvore de Natal que estava na recepção do local e saiu carregando a árvore nas costas. A polícia identificou o homem após denúncias anônimas.

Na madrugada do mesmo dia, em um outro residencial, na 413 sul, foi registrado um crime parecido. Um homem chegou em uma bicicleta e levou um boneco de papai noel, que decorava a recepção do edifício. Na época, a polícia investigava se os dois furtos teriam sido realizados pela mesma pessoa.

Ainda em 2019, em Nova Lima (MG), ladrões roubaram um papai noel inflável de oito metros que ficava em frente à uma loja. A proprietária da empresa ficou surpresa e indignada com a ação dos criminosos.

Na véspera de Natal deste ano, em Fortaleza, dois homens furtaram um boneco de papai noel que enfeitava o comércio no Bairro João XXII. O crime foi filmado pelas câmeras de segurança do estabelecimento. A Secretaria de Segurança do Ceará investiga o caso.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE