Tentativa de femicídio

Mulher é esfaqueada por companheiro em Brazlândia

O caso, que ocorreu na noite de sábado (7/5), na Vila São José, em Brazlândia, é investigado como tentativa de feminicídio.

Darcianne Diogo
postado em 08/05/2022 13:31 / atualizado em 08/05/2022 13:31
 (crédito: Pixabay)
(crédito: Pixabay)

Uma mulher, de 45 anos, foi esfaqueada no ombro pelo companheiro, de 46 anos. A tentativa de feminicídio ocorreu na noite de sábado (7/5), na Vila São José, em Brazlândia e o agressor foi preso em flagrante pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF).

Policiais militares tomaram conhecimento do crime por volta das 23h30 de sábado, quando a equipe médica do Hospital Regional de Brazlândia avisou a corporação sobre a chegada de uma mulher bastante ferida e que suspeitava de violência doméstica.

Em depoimento, o suspeito, preso em frente ao hospital, contou que, na noite de sábado, ele e a mulher foram até um quiosque de churrasquinho e, ao chegarem em casa, começaram a discutir. Durante o interrogatório, o agressor alegou que a vítima pegou uma faca de cozinha, ele pegou outra e, em seguida, esfaqueou a companheira no ombro. 

O homem chegou a acionar o Corpo de Bombeiros (CBMDF) e também ligou para o genro da vítima, informando que havia ocorrido uma tragédia. Contra ele, há passagens pelos crimes de Maria da Penha, entre eles lesão corporal, no âmbito doméstico, injúria e ameaça.

Requintes de crueldade

A Polícia Civil do Distrito Federal investiga o assassinato de uma mulher encontrada nua e com o corpo ainda em chamas no Parque Ecológico Gatumé, em Samambaia. O crime aconteceu na manhã de sábado (7/5), na quadra 427, conjunto 1. Quando o Corpo de Bombeiros chegou para prestar os primeiros atendimentos, a vítima já estava morta. Ao Correio, o delegado Rodrigo Carbone informou que ela foi esfaqueada ao menos 22 vezes e há suspeita de crime sexual. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE