Famosos

Johnny Depp pede adiamento de julgamento de processo para gravar filme

Caso a Justiça conceda, o julgamento do processo será adiado para 2021, e o ator gravará em Londres a sequência de 'Animais fantásticos e onde habitam'

Correio Braziliense
postado em 02/09/2020 14:03 / atualizado em 02/09/2020 14:14
 (foto: Warner Bros.)
(foto: Warner Bros.)

O ator Johnny Depp pediu adiamento da ação de R$ 268 milhões no atual processo que ele moveu contra a ex-esposa Amber Heard. Segundo o portal Deadline, o adiamento foi solicitado para o ator poder realizar as filmagens de Animais fantásticos e onde habitam 3.

Ele abriu um processo de difamação contra Amber Heard em 2019, quando o The Sun publicou um artigo de opinião, em que ela relatava violência sexual e doméstica por parte do intérprete de Jack Sparrow, em Piratas do Caribe.

As filmagens do filme dirigido por David Yates estavam previstas para iniciar em março, mas foram adiadas em decorrência da pandemia do novo coronavírus. No entanto, os registros devem voltar em outubro e serem finalizadas em fevereiro, visto que as condições sanitárias em Londres, cenário principal do longa, estão melhores. Entretanto, as datas de gravação chocariam com as datas do processo, que está previsto para ser julgado entre 11 e 28 de janeiro de 2021.

"Quando a Corte definiu a data do julgamento atual neste caso, o Sr. Depp entendeu que a Warner Bros. planejava filmar Animais fantásticos 3 em Londres muito antes de 11 de janeiro de 2021. A covid-19 interrompeu os planos do estúdio, causando repetidos adiamentos", informa os documentos do tribunal.

Johnny Depp solicitou que o julgamento fosse postergado para alguma data entre março e junho do ano que vem.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação