Música

Léo Santana e Luísa Sonza lançam primeira parceria musical, 'Século 21'

'Século 21', nova música de Léo Santana com Luísa Sonza, une o pagode baiano com o funk

Correio Braziliense
postado em 16/10/2020 15:18 / atualizado em 16/10/2020 15:23
 (crédito: @elektra/Divulgação)
(crédito: @elektra/Divulgação)

Léo Santana e Luísa Sonza uniram as forças do pagode da Bahia e do funk na nova música, Século 21. A canção foi lançada na noite desta quinta-feira (15/10), com direito a clipe no YouTube, que já conquistou o primeiro lugar dos vídeos em alta da plataforma. Esta é a primeira parceria da dupla. 



Na letra da música, a dupla LS defende a curtição na balada. “Gosta de cara e também gosta de mina. Século 21 tá tudo certo, não tem briga”, canta Luísa.

#Seculo21challenge

Luísa e Léo Santana investiram na divulgação da música e do clipe nas redes sociais. A cantora, que já mostrou muito apreço pela dança, convocou os fãs e seguidores para o #Seculo21challenge, que consiste em um desafio de vídeos de dança usando a música lançada.

Para estimular o público, a gaúcha postou um trecho do clipe e prometeu postar alguns dos vídeos publicados pelo público no próprio perfil.


Antes do lançamento oficial de Século 21, os artistas também trocaram os perfis e postaram vídeos convidando os seguidores para o pre-save da música.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 

Gente @leosantana passando pra avisar que SÉCULO 21 sai nessa quinta-feira, dia 15, às 21h. ???? Faça o pre-save (link na bio)

Uma publicação compartilhada por Lui?sa Sonza (@luisasonza) em

 


Gravação adiada

A gravação do clipe da música precisou ser adiada após Luísa ter sido diagnosticada com o novo coronavírus. Apesar de não ter apresentado sintomas da doença, a cantora fez o teste antes da filmagem do clipe com Léo Santana e recebeu o resultado positivo. 

Na ocasião, a gaúcha se pronunciou nos stories do Instagram. “Não coloquei ninguém em risco. Obrigada pela preocupação. Sigo em isolamento total em casa”, explicou.´

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação