Cancelamento

'Away' é cancelada pela Netflix; relembre outros cancelamentos do serviço

Com apenas uma temporada, a série sobre a astronauta americana Emma Green entra na lista de produções encerradas pela plataforma

Correio Braziliense
postado em 21/10/2020 10:21 / atualizado em 21/10/2020 10:22
 (crédito: Instagram/Reprodução)
(crédito: Instagram/Reprodução)

A série da Netflix Away, estrelada por Hilary Swank, Josh Charles e Vivian Wu, foi cancelada após apenas uma temporada de 10 episódio. A atriz principal confirmou a informação nas redes sociais.

Em uma publicação no perfil do Instagram, ela postou um frame da produção e escreveu na legenda: "Amor e esperança vão sempre permanecer minha "Estrela do Norte". Foi uma jornada incrível meus compadres. E obrigada a todos os meus seguidores extraordinários que assistiram e apoiaram nosso lindo programa. Gostaria que estivéssemos mostrando Marte a vocês! Até a próxima", desejou a atriz. 


No catálogo da plataforma desde 4 de setembro, Away chegou a estar no Top 10 de produções mais assistidas da Netflix, na semana de estreia. Criada por Andrew Hinderaker, a série traz Hilary como a astronauta americana Emma Green. Enquanto se prepara para liderar uma equipe internacional na primeira missão a Marte, Emma deve conciliar a decisão de deixar para trás o marido (Josh Charles) e a filha adolescente (Talitha Bateman) quando mais precisam dela.

Cancelamentos da Netflix em 2020

As razões para um cancelamento da Netflix podem variar, mas geralmente incluem uma análise sobre audiência e custos de produção.

The society

Cancelada após a primeira temporada, a série adolescente lançada em 2019 parece não ter atingido as metas dos produtores. Embora tenha sido durante um tempo a queridinha do público nas redes sociais, e uma renovação tenha sido anunciada para 2020, a plataforma de streaming optou por não prosseguir com a produção. Por meio de um comunicado, a Netflix explicou que haviam muitas dificuldades encontradas em meio ao processo por conta da pandemia do coronavírus.

Messiah

O cancelamento foi confirmado com o post do ator Wil Traval lamentando o fim prematuro da série. A produção retrata as reações do mundo contemporâneo a um homem que surge no Oriente Médio realizando milagres. As pessoas não têm certeza se ele é um mensageiro divino ou um agitador político. Quando ele desaparece de um interrogatório israelense sem explicação, a lenda ao redor dele começa a crescer. 


I am not okay with this

Cancelada após a estreia da primeira temporada, I am not okay with this se trata de um drama adolescente vivido por Sydney (Sophia Lillis), uma adolescente navegando as turbulências do colegial enquanto lida com complexidades da família, daa sexualidade e de super-poderes que começam a surgir. Além de Sophia Lillis, a série contou com Wyatt Olfeff, Sofia Bryant e Richard Ellis nos papéis principais e ainda não havia sido renovada de forma oficial.

 


O mundo sombrio de Sabrina

A série chegará ao fim com a 4ª temporada, prevista para ser lançada no fim do ano. Pegando os fãs de surpresa, o cancelamento não parecia se aplicar ao quesito audiência. Além disso, a série é baseada em histórias em quadrinhos da Archie Comics, que funcionou como material de apoio para a produção. Em pronunciamento, o showrunner Roberto Aguirre-Sacasa deu a entender que a série estava se encaminhando para ao fim.


October Faction

A produção entra na categoria de séries de terror canceladas da Netflix. Ela foi criada por Damian Kindler e ficou apenas com a primeira temporada. Estreou na plataforma em 23 de janeiro de 2020, e acompanha os caçadores de monstros Fred (JC Mackenzie) e Deloris Allen (Tamara Taylor) que, após a morte do pai de Fred, retornam à cidade natal, em Nova York, com os filhos adolescentes Geoff (Gabriel Darku) e Viv Allen (Aurora Burghart) e precisam esconder as identidades.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação