Cinema

Vera Fischer sentiu "no bolso" proibição de filme com Xuxa nos anos 1980

Além de atuar em Amor estranho amor, Vera Fischer era uma das produtoras do longa proibido a pedido de Xuxa por causa de uma cena de sexo ao lado de uma criança

Correio Braziliense
postado em 26/11/2020 11:49
Vera Fischer espera que agora 'Amor estranho amor' entre para alguma plataforma de streaming -  (crédito: Patricia Lino/Divulgação)
Vera Fischer espera que agora 'Amor estranho amor' entre para alguma plataforma de streaming - (crédito: Patricia Lino/Divulgação)

A atriz Vera Fischer contou ao programa Cinejornal, do Canal Brasil, que sentiu "no bolso" a proibição do filme Amor estranho amor (1982), de Walter Hugo Khouri, logo após a estreia. Isso porque, além de viver a protagonista Ana, Vera era produtora do filme, ao lado de Anibal Massaíni.

"Eu senti muito até porque era coprodutora do filme. O produtor principal era o Anibal Massaíni e nós sentimos no bolso", afirmou a atriz. Ela também lamentou porque o filme tinha tudo para ser um sucesso: "Tinha um elenco enorme. Pena que o público só viu por um tempo. Ele entrou em cartaz nos cinemas, fez ótimo público, mas saiu de circulação."

O filme saiu de circulação a pedido de Xuxa, que aparece nua ao lado de um menino de 12 anos."Eu acho que ela tinha uma equipe muito poderosa. E acho que eles a obrigaram a tirar o filme de circulação. Seminua com um garoto de 12 anos. Eu acho que a situação foi essa", explicou.

Com a liberação do filme pela própria Xuxa, Vera se mostra animada. "Eu acho que vão querer lançar novamente nos cinemas ou nas plataformas. E vai ser um ganho. A própria Xuxa disse outro dia que o filme é bom e tem que ser visto. Vai ser bom para a gente", afirma, esperançosa.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE