NICETTE BRUNO

Record lamenta morte de Nicette Bruno: "Ajudou a escrever a história da TV"

Atriz de 87 anos faleceu vítima de complicações do novo coronavírus

Correio Braziliense
postado em 20/12/2020 17:15 / atualizado em 20/12/2020 17:16
 (crédito: João Miguel Júnior/TV Globo)
(crédito: João Miguel Júnior/TV Globo)

A Record TV emitiu uma nota na tarde deste domingo (20/12), lamentando o falecimento da atriz Nicette Bruno, 87 anos, vítima de complicações do novo coronavírus. Ela é mãe dos atores Beth Goulart e Paulo Goulart Filho, que estão no elenco da novela Gênesis.

A emissora afirmou que Nicete deu vida a personagens memoráveis e ressaltou seu trabalho na teledramaturgia brasileira. "Ela se dedicou durante anos às artes, especialmente à televisão brasileira, onde interpretou personagens que nunca sairão de nossas mentes. Expressamos nossas condolências aos familiares, amigos e admiradores do talento desta profissional que ajudou a escrever a história da televisão brasileira".

Nas redes sociais, familiares, amigos, políticos e admiradores também fizeram homenagens. Autor de novelas em que Nicette atuou, Walcyr Carrasco ressaltou o privilégio de ter criado papéis para ela em Alma gêmea (2005), um grande sucesso da atriz, e Sete pecados (2007).

"A nossa querida Nicette Bruno nos deixou hoje. Mais uma vítima da covid-19. Nicette fez história na televisão brasileira. Tive o privilégio de trabalhar com ela. Aos familiares, amigos e fãs, deixo meu apoio e o meu carinho. Descanse em paz", escreveu.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) também lamentou sua morte. "Triste com a notícia da morte da atriz Nicette Bruno. Nicette é mais uma vítima da Covid-19 no Brasil. Meus sentimentos aos familiares e amigos. Que Deus conforte seus corações neste momento de dor", apontou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE