Agressão

Agressores de Henri Castelli serão indiciados por lesão corporal grave

Ao todo, foram identificadas quatro pessoas que teriam participado da briga

Correio Braziliense
postado em 12/01/2021 17:31 / atualizado em 12/01/2021 17:35
 (crédito: Reprodução/Twitter)
(crédito: Reprodução/Twitter)

A polícia identificou os agressores do ator Henri Castelli e vai indicia-los por lesão corporal grave. O ator veio a público, nesta segunda-feira (11/1), para contar como fraturou a mandíbula após ser agredido em Alagoas no fim do ano passado. O caso ocorreu na madrugada de 30 de dezembro. 

À revista Quem, o advogado responsável pela investigação disse que foram identificados quatro agressores e eles já foram ouvidos. Um deles confessou a agressão. Porém, ele disse que quem começou a briga foi Henri Castelli.

"Há duas versões para o ocorrido: a da vítima (o ator) e a que os autores apresentaram. Os autores disseram que houve uma discussão antes. Comprovadamente só uma pessoa assumiu. Estamos individualizando o caso. O outro autor foi quem primeiro discutiu com a vítima e, durante a discussão, soube por um amigo que teria havido agressão verbal a ele por parte da vítima e, por isso, ele teria revidado. A vítima teria tentado agredi-lo fisicamente e o outro autor antecipou a agressão, eles acabaram entrando em briga e tudo aconteceu", explicou o delegado Fabrício Lima do Nascimento.

Ainda segundo delegado, a briga teria ocorrido depois que o ator reclamou de uma festa. 

Nas redes sociais, Henri Castelli afirmou, nesta segunda, que a agressão foi "covarde". "O que aconteceu foi que eu estava com alguns amigos. Do nada fui puxado pelo pescoço e jogado no chão. Fui agredido, vítima de socos e chutes no rosto que causaram uma fratura exposta na minha mandíbula", disse.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE