Projeto cultural

Projeto Brasilidades apresenta série de aulas-espetáculos

Realizado no Centro Tradicional de Invenção Cultural (CTIC), o projeto tem entrada franca, sujeita a lotação

Tico Magalhães, capitão do grupo Seu estrelo, é o organizador do evento -  (crédito: Thais Mallon)
Tico Magalhães, capitão do grupo Seu estrelo, é o organizador do evento - (crédito: Thais Mallon)
postado em 02/04/2024 06:00

De abril  a junho, os grupos Seu estrelo e Fuá do terreiro convidam os brasilienses para o projeto Brasilidades: ciências populares. Será uma série de aulas-espetáculo, ministradas por mestres renomados, e encontros para dialogar sobre a riqueza da cultura popular brasileira. Realizado no Centro Tradicional de Invenção Cultural (CTIC), o projeto tem entrada franca, sujeita a lotação. Promovido pelo Instituto Rosa dos Ventos e pelo Ministério da Cultura, o evento também chama escolas públicas para vivenciarem brincadeiras na sede do grupo.

O mestre Tico Magalhães, capitão do Seu Estrelo e organizador do projeto, explica como nasceu a ideia: "Surgiu como uma forma de trazer a ciência cultural, que, muitas vezes, é vista com preconceito no meio acadêmico e não tem espaço para debate, para o público; a gente quis divulgar esse entendimento de mundo que não está em livro, mas, sim, na oralidade". Para ele, é de extrema importância falar desse tema, pois possibilita entender que existem várias formas de olhar o mundo e abre espaço para diversidade: "As culturas populares recriam mundos e maneiras de ser. Adentrar em seus mistérios e suas ciências nos ajuda a vivenciar e entender as nossas brasilidades".

O encontro deste mês será com a ativista indígena Geni Núñez. A também escritora e psicóloga abordará a sabedoria ancestral dos povos originários, oferecendo um olhar aprofundado e sensível sobre a cultura popular. Já no primeiro dia de junho, a programação terá sequência com o professor e compositor Luiz Antônio Simas. Agraciado com dois prêmios Jabuti, ele falará sobre brasilidades, como festas, carnavais, religiosidades e culturas das ruas. O último dia do evento se encerrará com o mestre Manoelzinho Salustiano.

O projeto vai criar, assim como em outras programações semelhantes promovidas pelo Seu estrelo, um caderno de estudos, que será divulgado nas mídias sociais do grupo, com o conteúdo passado nos encontros para quem não puder comparecer. A programação teve início no dia 30 de março e continuará nos dias 20 de abril, às 17h, 1 de junho, às 17h, e 14 do mesmo mês, às 19h.

*Estagiária sob a supervisão de Severino Francisco

Brasilidades: ciências populares

Dias 20/4 (sábado), às 17h, 1/5 (sábado), às 17h, e 14/5 (sexta), às 19h, no Centro Tradicional de Invenção Cultural (Setor de Embaixadas 813 Sul). Entrada franca

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação