MERCADO

Petrobras confirma intenção de venda das ações na Braskem até fevereiro

Em nota, estatal diz que mantém seu posicionamento "de buscar a venda de até 100% das ações preferenciais" que detém na petroquímica

João Vitor Tavarez*
postado em 07/01/2022 16:25 / atualizado em 07/01/2022 16:27
 (crédito: Geraldo Falcão/Agencia Petrobras)
(crédito: Geraldo Falcão/Agencia Petrobras)

A Petrobras confirmou, nesta sexta-feira (7/1), que pretende vender até 100% das ações preferenciais que detém na petroquímica Braskem até fevereiro deste ano. A decisão, embora sem data acertada para as vendas, foi divulgada em dezembro de 2021.

Em nota enviada ao Correio, a companhia informou que o banco coordenador da ação é o JP Morgan, e que as vendas vão ser conduzidas por meio de “oferta pública secundária de ações (follow-on), em conjunto com NSP Investimentos S.A.”

“O cronograma e as condições da oferta estão sujeitos à aprovação dos órgãos internos da Petrobras, notadamente quanto ao preço e percentual efetivo das ações a serem ofertadas, bem como à análise e à aprovação dos respectivos órgãos reguladores, nos termos da legislação aplicável”, informou a Petrobras.

Por fim, a estatal disse que nos termos da legislação e regulamentação aplicáveis, manterá seus acionistas e o mercado em geral informados acerca das negociações.

*Estagiário sob a supervisão de Andreia Castro

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE