SEMIFINAL

Fluminense vence o Internacional de virada e vai à final da Libertadores

Colorado faz bom início, mas é dominado pelo Tricolor no segundo tempo. John Kennedy e Cano colocam o Fluminense na decisão após 15 anos

Fluminense vence o Internacional de virada e vai à final da Libertadores -  (crédito: Jogada10)
Fluminense vence o Internacional de virada e vai à final da Libertadores - (crédito: Jogada10)
Jogada10
postado em 04/10/2023 23:46

Próxima parada: Maracanã. Afinal, o Fluminense está na final da Copa Libertadores 2023. Nesta quarta-feira, o Tricolor visitou o Internacional no Beira-Rio, pelo jogo de volta da semifinal do torneio sul-americano, e venceu o Colorado de virada, por 2 a 1. Mercado abriu o placar para o time da casa, mas John Kennedy e Cano viraram para a equipe carioca.

Como as equipes empataram no jogo de ida em 2 a 2, quem vencesse conquistaria a vaga, independente do placar. Garantido na decisão, o time de Laranjeiras volta à final depois de 15 anos e agora vai em busca do título inédito. A última vez – e primeira – que o clube carioca esteve na finalíssima foi em 2008, quando foi derrotado para a LDU (EQU).

Primeiro tempo

Com o apoio do torcedor no Beira-Rio, o Inter começou em um ritmo muito forte e logo passou a colocar o Flu em perigo. Aos nove minutos, o Colorado abriu o placar com o zagueiro Mercado. Após cobrança de escanteio pelo lado esquerdo, o goleiro Fábio saiu errado, e o argentino cabeceou na segunda trave para fazer o gol. O time de Eduardo Coudet seguiu mandando na partida e criou mais algumas oportunidades até o meio do primeiro tempo. A partir daí, o Fluminense cresceu na partida, conseguiu ficar com a bola, mas sem levar tanto perigo à meta de Rochet. Cano chegou até a acertar a trave aos 41 minutos, mas o lance foi paralisado na sequência por impedimento.

Segundo tempo

O Fluminense precisava do resultado na etapa final, e o técnico Fernando Diniz colocou sua equipe para frente. Promoveu as entradas de Martinelli e John Kennedy, que fizeram a equipe carioca crescer e ter o controle da partida. Enner Valencia chegou a ter três grandes chances claras para marcar o segundo gol do Inter, mas não conseguiu em nenhuma. A estrela do técnico tricolor brilhou, e John Kennedy marcou de cavadinha aos 35 após contra-ataque puxado por Cano. Seis minutos depois, aos 41, a história se inverteu, e John Kennedy serviu Cano. O argentino bateu na saída do goleiro e marcou o gol da vitória e da classificação.

E agora?

Classificado para a grande final da Libertadores 2023, o Fluminense agora espera o seu adversário. Nesta quinta-feira, Palmeiras e Boca Juniors (ARG) se enfrentam em São Paulo para definir quem estará na decisão. A finalíssima será no dia 4 de novembro, no Maracanã, no Rio de Janeiro.

INTERNACIONAL 1 X 2 FLUMINENSE

Copa Libertadores 2023 – Semifinal – Jogo de volta
Data:
04/10/2023, às 21h30 (de Brasília)
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Público: 50.002 torcedores
INTERNACIONAL: Sergio Rochet; Hugo Mallo, Vitão, Gabriel Mercado e Renê; Johnny (Luiz Adriano, 44’/2ºT), Charles Aránguiz (Bruno Henrique, 28’/2ºT), Maurício (Carlos de Pena, 28’/2ºT) e Alan Patrick; Wanderson (Lucca, 43’/2ºT) e Enner Valencia. Técnico: Eduardo Coudet
FLUMINENSE: Fábio; Guga (Yony González, 34’/2ºT), Nino, Felipe Melo (Martinelli, intervalo) e Marcelo; André, Alexsander (John Kennedy, intervalo) e Ganso (Lima, 19’/2ºT); Jhon Arias, Keno (Marlon, 39’/2ºT) e Germán Cano. Técnico: Fernando Diniz
Gols: Gabriel Mercado, 9’/1ºT (1-0), John Kennedy, 35’/2ºT (1-1), Germán Cano, 41’/2ºT (1-2)
Árbitro: Jesús Valenzuela (VEN)
Assistentes: Jorge Urrego (VEN) e Tulio Moreno (VEN)
VAR: Juan Soto (VEN)
Cartão Amarelo: Bruno Henrique (INT); Martinelli (FLU)
Cartão Vermelho:

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br