Goiás

Vasco deixa a vitória escapar e fica de mãos dadas com o Goiás no Z-4

Autor do gol cruzmaltino, Vegetti é expulso e turbina reação esmeraldina no Serrinha, em Goiânia. Gigante da Colina desperdiça oportunidade de sair da zona de rebaixamento

Tropeço mantém Vasco na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro -  (crédito: Jogada10)
Tropeço mantém Vasco na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro - (crédito: Jogada10)
Jogada10
postado em 30/10/2023 00:01 / atualizado em 30/10/2023 00:01

O Vasco empatou em 1 a 1 com o Goiás, neste domingo (29), pela 30ª rodada do Brasileirão, na Serrinha, em Goiânia. O resultado foi frustrante para o Cruzmaltino, que vencia até os acréscimos na segunda etapa, mas levou o gol de empate. Assim, a equipe carioca desperdiçou a chance de deixar, ainda que momentaneamente, a zona de rebaixamento. O Esmeraldino, aliás, também continua na degola, na 17ª posição, com 32 pontos, um posto e um ponto acima do clube de São Januário.

Primeiro tempo

Com uma formação bem diferente da usual, o Vasco de Ramón Díaz não fez uma grande primeira etapa. O Goiás começou com mais posse de bola e impondo dificuldades ao jogo vascaíno. Ainda assim, a primeira boa chance do time da casa só veio quando Allano bateu e Léo Jardim defendeu. Por outro lado, Vegetti também levou perigo numa cabeçada, que Tadeu defendeu. Os goianos também estiveram perto do gol em jogada de Palacios pela direita: ele bateu cruzado para o meio da área, mas ninguém desviou. Assim, os dois times foram para o intervalo com um empate que não servia a nenhum lado.

Segundo tempo

Após o intervalo, as mexidas de Ramón Díaz surgiram efeito no Vasco, que passou a ser mais eficaz diante do Goiás. Embora os donos da casa seguissem atacando, os visitantes encontraram mais espaços. Aos 13 minutos, após lançamento na área, Maicon tocou e Vegetti se antecipou à defesa goiana para marcar. O bandeira marcou impedimento num primeiro momento, mas o VAR confirmou a validade do lance. O Goiás foi com tudo para a pressão, mas Léo Jardim passou a brilhar. Ele fez duas defesas espetaculares: uma num desvio contra de Medel e outra em cabeçada de Matheus Babi. O Cruzmaltino teve dois contra-ataques em que poderia matar o jogo, mas sem sucesso. O castigo veio no fim, quando Vegetti foi expulso pelo segundo cartão amarelo. No lance seguinte, Vinícius cruzou e Babi cabeceou no canto para dar números finais ao placar.

GOIÁS 1×1 VASCO DA GAMA

30ª rodada do Brasileirão Série A
Data e horário: 29/10/2023, às 16h (de Brasília)
Local: Serrinha, em Goiânia (GO)

GOIÁS: Tadeu; Maguinho, Lucas Halter, Bruno Melo e Hugo; Willian Oliveira (Raphael Guzzo, 20’/2ºT), Morelli e Guilherme Marques (Vinícius, 20’/2ºT); Palacios (Dodô, 19’/2ºT), João Magno (Matheus Babi, intervalo) e Allano (Alleson, 27’/2ºT). Técnico: Armando Evangelista.

VASCO DA GAMA: Léo Jardim; Robson, Maicon (Zé Vitor, 31’/2ºT), Léo (Praxedes, intervalo) e Lucas Piton; Medel, Zé Gabriel, Jair (Barros, 21/2ºT), Serginho (Gabriel Pec, intervalo) e Alex Teixeira (Payet, 21’/2ºT); Vegetti. Técnico: Ramón Díaz.

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (Fifa/SP)
Assistentes: Danilo Ricardo Simon (Fifa/SP) e Luiz Alberto Andrini Nogueira (SP)
VAR: Daiane Caroline Muniz (Fifa/SP)
Cartões amarelos: Bruno Melo, Palacios (GOI); Vegetti, Jair (VAS)
Cartão vermelho: Vegetti (VAS), 45/2ºT
Gol: Vegetti, 13’/2ºT (0-1); Matheus Babi, 46’/2ºT (1-1)

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br