campeonato espanhol

Atlético de Madrid quase se complica contra o lanterna

Lucas Robertone (de preto) faz de tudo para evitar que Griezmann fique com a bola. Dessa forma, vale até agarrar pelo pescoço 

Lucas Robertone (de preto) faz de tudo para evitar que Griezmann fique com a bola. Dessa forma, vale até agarrar pelo pescoço  -  (crédito: Foto:  Javier Soriano/AFP via Getty Images)
Lucas Robertone (de preto) faz de tudo para evitar que Griezmann fique com a bola. Dessa forma, vale até agarrar pelo pescoço  - (crédito: Foto:  Javier Soriano/AFP via Getty Images)
Jogada10
postado em 10/12/2023 12:05

O Atlético de Madrid fez tudo para se complicar diante do lanterna o Almería na manhã deste domingo (10/12), pela 16ª rodada do Espanhol: 2 a 1. Foram 25 minutos de encher os olhos sob o comando de Griezmann, quando abriu 2 a 0. Mas parou em campo e levou sufoco. O astro francês não fez gol (o que mandou na rede foi anulado), porém, iniciou a jogada dos tentos de Morata e de Ángel Correa. O atacante brasileiro Leo Batistão (ex-Santos) fez o gol do Almería, dominante no segundo tempo. Assim, só não conseguiu resultado melhor por causa das defesas do goleiro atleticano Oblak.

Veja aqui a tabela de classificação do Campeonato Espanhol

A vitória leva o Atlético aos 34 pontos, se mantendo do G4 (zona da Champions). O Almería, único que ainda não venceu no Espanhol, não sai do último lugar, com quatro pontos (oito atrás do primeiro fora do Z3, o Cádiz, que ainda jogará na rodada).

Atlético de Madrid começa com tudo

O Atlético foi muito dominante nos primeiros 25 minutos. Marcação alta, chances em profusão e gols. Aos cinco, Griezmann recebeu na área a bateu cruzado. Belo gol, mas anulado pelo VAR. Quase em seguida, Correa perdeu grande chance. Mas, aos 17 saiu o gol. Griezmann ganhou dividida na esquerda e tocou para Morata. Este entrou na área e chutou cruzado, 1 a 0. Aos 22, Griezmann caiu pela direita  e lançou Llorente. O atacante cruzou para Correa ampliar a vantagem colchonera. Em seguida, o “Atleti” diminuiu a intensidade, o que deu a chance para o Almería passar a ter a bola e até buscar finalizações. Mas todas sem direção. E o time de Madri quase ampliou em falta cobrada por De Paul.

Colchoneros quase se complicam na etapa final

O segundo tempo foi de administração de vantagem. Mas isso acomodou o Atlético, o que fez o Almería ser mais perigoso e conseguindo diminuir aos 16. O chute de Pozo bateu em Léo Batistão e obrigou o goleiro Oblak a fazer defesa parcial. O mesmo Batistão  mandou para a rede. Isso fez o Atlético, mesmo em casa, se fechar ainda mais, ao estilo do treinador Simeone. O time da casa passou a ter muitos escanteios (foram 12 na partida) e o goleiro Oblak fez uma série de defesas. Afinal, garantiu a vitória. Fim de jogo e os números foram surpreendentes. O lanterna Almería deu 18 finalizações (seis no alvo). O mandante Atlético 13 (quatro no alvo e dois gols).

Jogos da 16ª rodada do Campeonato Espanhol

Sexta-feira (08/12)
Getafe 1×0 Valencia
Sábado (09/12)
Alavés 0x1 Las Palmas
Betis 1×1 Real Madrid
Villarreal 0x3 Real Sociedad
Mallorca 1×0 Sevilla
Domingo (10/12)
Atlético de Madrid 2×1 Almería
Granada x Athletic Bilbao – 12h15
Cádiz x Osasuna – 14h30
Barcelona x Girona – 17h
Segunda-feira (11/12)
Rayo Vallecano x Celta – 17h

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

-->