Mercado da Bola

Vasco quer manter Paulo Henrique, mas tem concorrência forte por lateral

Paulo Henrique pode seguir no Vasco a pedido do técnico Ramón Díaz

Paulo Henrique pode seguir no Vasco a pedido do técnico Ramón Díaz -  (crédito: Foto: Leandro Amorim/Vasco)
Paulo Henrique pode seguir no Vasco a pedido do técnico Ramón Díaz - (crédito: Foto: Leandro Amorim/Vasco)
Jogada10
postado em 22/12/2023 13:29

O Vasco dá uma atenção especial ao setor da lateral direita e quer manter uma das peças à disposição para o ano que vem. Com seu empréstimo tendo fim neste mês, Paulo Henrique pertence ao Atlético-MG, mas possui o aval do técnico Ramón Díaz para seguir de olho em 2024. A diretoria carioca, aliás, já procurou o Galo para conversar sobre a sua permanência e ganha forte concorrência pelo jogador de 27 anos.

Afinal, Internacional e Fortaleza também buscam tê-lo a partir de janeiro e a equipe de Belo Horizonte pretende negociá-lo somente em definitivo. O defensor, além de clubes do Brasil, chamou a atenção recentemente de dois da Major League Soccer (MLS), dos Estados Unidos. Ele possui vínculo com os mineiros até dezembro de 2024, porém, não faz parte dos planos da comissão técnica de Felipão.

Paulo Henrique chegou ao Vasco em fevereiro e, de início, não teve muitas oportunidades. Tanto é que, em dado momento, era uma das últimas opções de Díaz para a lateral direita. No entanto, com a instabilidade de Puma Rodríguez e as lesões de Gabriel Dias, passou a ganhar oportunidades. Aproveitou bem as chances na reta final do Campeonato Brasileiro e teve sequência entre os titulares.

Fundamental ao Vasco

Ao todo, o camisa 96 disputou 16 partidas pelo Gigante da Colina, sendo dez desde o início na formação principal. Apesar de não participar muito na parte ofensiva, foi importante em dois momentos cruciais de olho na permanência do clube na Primeira Divisão. Fez o gol da vitória por 1 a 0 no clássico contra o Botafogo e deu a assistência para Serginho deixar o dele nos 2 a 1 diante do Bragantino, que fez a equipe se salvar do descenso.

Sem Paulo Henrique, o Vasco teria, hoje, somente Puma Rodríguez à disposição no setor. Isso porque Gabriel Dias teve a saída definida oficialmente, assim como Robson Bambu, zagueiro de origem, mas que atuou de forma improvisada em várias oportunidades pelo lado direito do sistema defensivo.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

-->