Copa Libertadores

Entenda por que o Fluminense não tem usado o patch de campeão da Libertadores

Fluminense bateu o Boca Juniors e conquistou a Copa Libertadores

Fluminense bateu o Boca Juniors e conquistou a Copa Libertadores  -  (crédito: - Foto: Marcelo Goncalves / Fluminense F.C)
Fluminense bateu o Boca Juniors e conquistou a Copa Libertadores - (crédito: - Foto: Marcelo Goncalves / Fluminense F.C)
Jogada10
postado em 09/02/2024 15:51

Ao longo deste início de temporada, um detalhe no uniforme do Fluminense tem chamado a atenção do torcedor. O time não tem atuado com o patch de campeão da Libertadores. Afinal, qual o motivo para não utilizar algo referente a conquista inédita do último dia 4 de novembro, diante do Boca Junior no Maracanã?

Muitos pensaram que a culpa seria da Conmebol, mas na verdade a empresa autorizada a fazer a confecção oficial está em atraso quanto ao envio ao Tricolor. Diante disso, o clube não pode colocar o patch em seus uniformes durante a disputa do Campeonato Carioca. A informação é do portal “ge”.

Sem reposição no momento

O clube carioca recebeu a primeira remessa e entrou em campo diante do São Paulo, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro, com o patch. No entanto, com o estoque esgotado, o Fluminense ainda não recebeu a solicitação para repor as camisas.

Vale destacar que não existe regulamento que proíba seu uso. Em 2003, o Flamengo, então campeão da Copa Libertadores do ano anterior, usou o patch durante a disputa do Campeonato Carioca.

Olho na agenda

O Fluminense volta a campo no próximo dia 14 para enfrentar o Vasco, pela 8ª rodada da Taça Guanabara. por outro lado, a tendência é que o patch de campeão da Conmebol Libertadores não esteja no uniforme do Tricolor, novamente.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br