Patrocinense

Sob o comando de Matheus Pereira, Cruzeiro vence Patrocinense

Marlon, no centro, é celebrado após abrir o placar para o Cruzeiro

Marlon, no centro, é celebrado após abrir o placar para o Cruzeiro  -  (crédito: Fotos : Staff Images / Cruzeiro)
Marlon, no centro, é celebrado após abrir o placar para o Cruzeiro - (crédito: Fotos : Staff Images / Cruzeiro)
Jogada10
postado em 09/02/2024 18:30

Em seu primeiro jogo no Mineirão nesta temporada de 2024, o Cruzeiro fez a alegria de sua torcida. Afinal, nesta quinta-feira (9/2), venceu o Patrocinense, por 3 a 0, gols de Marlon, Dinenno e Artur Gomes. O time foi dominante e mereceu o triunfo que o leva ao primeiro lugar no Grupo A, agora com dez pontos, dois à frente do Tombense. Destaque total para o apoiador Matheus Pereira. O camisa 10 cruzeirense fez jogadas criativas e deu passes mais ousados, com lançamento excepcionais para dois gols.

O Patrocinense, que nesta edição do Mineiro já venceu o Atlético, parou nos quatro pontos, em segundo lugar do Grupo C, atrás do América (dez pontos). No Estadual, os campeões dos três grupos e o melhor segundo colocado avançam às semifinais. No momento, os times que iriam para a fase decisiva seriam Cruzeiro, Villa  Nova e América (os ponteiros) e o Tombense (melhor segundo colocado). Assim, o atual tetracampeão Galo, segundo do Grupo B, estaria eliminado.

Veja aqui a tabela de classificação do Campeonato Mineiro

Cruzeiro dá para o gasto no 1º tempo

A Patrocinente buscou amarrar o jogo, apostando em chuveirinhos no ataque e fechada na defesa. Nos primeiros 30 minutos, conseguiu sucesso, anulando as investidas da Raposa.Mas nos 15 minutos finais, o Cruzeiro começou a assustar mais. primeiramente, quase marcou numa cabeçada de Zé Ivaldo e chuveirinho cobrado por Matheus Pereira.

Aos 37, a Raposa chegou ao gol. Depois de muita troca de bola, Matheus Pereira recebeu no meio de campo e, com muita visão de jogo, fez um lançamento preciso para Marlon, que apareceu livre na área, pela esquerda. Mas, tão belo quando o passe foi a matada do lateral-esquerdo, que só ajeitou para bater com força sem chance para o goleiro Cairo. Contudo, quase o Patrocinense foi para o intevalo com o empate. Um erro da zaga fez Caíque entrar na cara de Rafael Cabral. Mas o goleirão fechou os espaços e fez uma grande defesa.

Raposa manda bem na etapa final e amplia

No segundo tempo, o Cruzeiro voltou para matar o jogo. No primeiro minutos, quase marcou. Mas a bola, entrou aos dois minutos. William cobrou escanteio na cabeça de Dinenno: 2 a 0. O Cruzeiro seguiu muito bem. João Pedro (sobrevivente do incêndio no Ninho do Urubu, do Flamengo, há cinco anos) entrou muito bem. Não fez gol, como ocorreu na rodada passada contra o Atlético. Mas a Raposa ampliou. Matheus Pereira, em novo lançamento de craque em profundidade, lançou Artur Gomes e o atacante não falhou, fechando o placar.

Na próxima rodada do Mineiro-2024, o Patrocinense recebe o Ipatinga (na quarta de Cinzas, 14) e o Cruzeiro enfrenta o América (na quinta-feira, 15).

CRUZEIRO 3X0 PATROCINENSE

Campeonato Mineiro – 4ª rodada
Data: 9/2/2024
Local: Mineirão, Belo Horizonte (MG)
CRUZEIRO: Rafael Cabral; William (Gasolina, 23’/2ºT), Zé Ivaldo (João Marcelo, Intervalo), Neris (Machado, 23’/2ºT) e Marlon; Lucas Romero e Lucas Silva; Matheus Pereira, Robert  (João Pedro, 15’/2ºT) e Arthur Gomes (Fernando, 30’/2ºT); Juan Dinenno. Técnico: Nicolás Larcamón.
PATROCINENSE: Cairo; Nando (Kanela, 20’/2ºT), Léo Alves (Iago, 28’/2ºT), Guilherme e Ailton; Matheus Santos, Baggio (Luan, 20’/2ºT), Marinho e Caiuby (Marcílio, Intervalo); Hudson e Caique (Everson, 28’/2ºT). Técnico: Rogério Henrique.
Gols: Marlon, 38’/1ºT (1-0); Dinenno, 2’/2ºT (2-0); Artur Gomes, 18’/2ºT (3-0)
Árbitro: Daniel da Cunha Oliveira Filho
Auxiliares: Magno Arantes Lira e Ricardo Junio de Souza
VAR: Wagner Reway
Cartões amarelos: Zé Ivaldo , Machado (CRU);Everson, Hudson, Marinho, Airton, Marcílio (PAT)

Siga o Jogada10 nas redes sociais:Twitter,InstagrameFacebook.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br