wesley

Apresentado pelo Internacional, Wesley está ‘pronto para a guerra’

Wesley (c) revelou que o técnico Eduardo Coudet foi determinante para o acerto com o Internacional

Wesley (c) revelou que o técnico Eduardo Coudet foi determinante para o acerto com o Internacional  -  (crédito:  ricardo duarte)
Wesley (c) revelou que o técnico Eduardo Coudet foi determinante para o acerto com o Internacional - (crédito: ricardo duarte)
Jogada10
postado em 20/02/2024 18:02

O Internacional apresentou, nesta terça-feira (20) o atacante Wesley. O jogador disse que um contato feito pelo técnico Eduardo Coudet determinou a sua opção pelo clube. Ele garantiu estar motivado para retomar o bom futebol. E se colocou à disposição da comissão técnica para estrear no Gre-Nal de domingo (25), no Beira-Rio.

O vice de futebol Felipe Becker e o diretor esportivo Magrão entregaram a camisa 21 a Wesley. O jogador chegou ao clube a pedido do técnico Coudet, com quem conversou durante as negociações. Este contato com o treinador o fez decidir pelo Colorado para a busca de novos desafios.

“O primeiro contato de um treinador de uma equipe como o Inter, qualquer atleta balança. Teve a ligação e ele (Coudet) deixou claro o desejo de contar comigo. Quando soube da possibilidade, não pensei duas vezes e quis muito vir”, disse o atacante ao ge.

Wesley, assim, chega ao Internacional depois de um início empolgante no Palmeiras. No entanto, ele não repetiu o bom desempenho no Cruzeiro. Dessa forma, esteve no alvo de duras críticas durante o tempo no clube mineiro. Ele, porém, acredita que as críticas serviram como aprendizado.

Wesley com ‘sede’ de Gre-Nal

Com o técnico Eduardo Coudet, Wesley deve ser alternativa a Wanderson pela esquerda. A outra opção para o setor, porém, é Gabriel Barros, já que Pedro Henrique acertou com o Corinthians. O atacante vinha se recuperando de uma lesão no ombro. No entanto, ele já se coloca à disposição para estrear contra o Grêmio.

“Se precisar do Wesley, essa semana é guerra. Nem tem muito o que falar. Vemos de fora como é o Gre-Nal, para a cidade. Joguei vários clássicos. O Gre-Nal é um dos mais disputados e buscarei me preparar ao máximo para ficar apto”, disse.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: Twitter, Instagram e Facebook.

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br