Colômbia

Suposto militante russo do Estado Islâmico é preso na Colômbia

Um suposto militante russo do Estado Islâmico foi detido no aeroporto El Dorado de Bogotá quando se dirigia para a Guatemala

Agence France-Presse
postado em 05/11/2021 14:25
 (crédito:  AFP)
(crédito: AFP)

Um suposto militante russo do Estado Islâmico (EI) foi detido no aeroporto El Dorado de Bogotá quando se dirigia para a Guatemala, informaram as autoridades colombianas nesta sexta-feira (5).

O homem, identificado como Vladimir Taranetc, é procurado pelas autoridades de seu país desde 2013 acusado de viajar "por vários países entre Síria e Turquia (...) para formar organizações terroristas", disse o diretor da polícia colombiana, general Jorge Vargas, em um vídeo enviado à imprensa.

Taranetc foi preso na noite de quinta-feira na capital colombiana, onde chegou procedente da Turquia em uma escala até a Cidade da Guatemala.

"Imediatamente (...) comunicamos às autoridades de polícia da Rússia para iniciar os processos de extradição", acrescentou Vargas.

Também conhecido como Ali Ali, o russo é acusado de ter militado desde o final 2013 em um grupo radical islâmico chamado "Jaish Muhajireen wal-Ansar".

"Após a dissolução dessa formação armada, Ali Ali e outros membros se uniram à organização terrorista Estado Islâmico (...). Ele atuava como combatente estrangeiro e contava com um forte arsenal de armas de fogo e munição", detalhou a polícia colombiana.

Após uma ofensiva em 2014 no Iraque e Síria e a conquista de extensos territórios, o EI formou um "califado", que caiu em 2019.

"Nos territórios controlados por esse grupo terrorista, acontecem execuções públicas em massa e castigos físicos, além da prática do tráfico de escravos", denunciaram as autoridades colombianas.


 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE