Natureza

Vulcão entra em erupção e voos para ilha espanhola de La Palma são cancelados

A erupção do vulcão Cumbre Vieja causou graves danos e a evacuação de mais de 7.000 pessoas

Agence France-Presse
postado em 20/11/2021 15:21 / atualizado em 20/11/2021 15:27
Já se passaram dois meses desde que o Cumbre Vieja começou a entrar em erupção, forçando mais de 6.000 pessoas a deixarem suas casas enquanto a lava queimava seu caminho através de grandes extensões de terra no lado oeste de La Palma. -  (crédito:  Luismi Ortiz / AFP / UME)
Já se passaram dois meses desde que o Cumbre Vieja começou a entrar em erupção, forçando mais de 6.000 pessoas a deixarem suas casas enquanto a lava queimava seu caminho através de grandes extensões de terra no lado oeste de La Palma. - (crédito: Luismi Ortiz / AFP / UME)

Todos os voos programados para sábado (20/11) para a ilha espanhola de La Palma foram cancelados devido às cinzas emitidas pelo vulcão Cumbre Vieja, que está em erupção há dois meses, anunciou a gestora do aeroporto.

No total, vinte voos domésticos foram cancelados no sábado, disse um porta-voz da gestora dos aeroportos espanhóis (AENA).

As conexões aéreas com esta ilha no arquipélago espanhol das Ilhas Canárias têm sido regularmente afetadas desde a erupção do vulcão em 19 de setembro.

A erupção nesta pequena ilha, que tem 85.000 habitantes, não causou vítimas, mas causou graves danos e a evacuação de mais de 7.000 pessoas.

No total, mais de 1.000 hectares e mais de 2.600 edifícios foram destruídos, de acordo com o sistema europeu de medições geoespaciais, Copernicus.

Durante a visita de sexta-feira e sábado, o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, anunciou novas ajudas para a economia e as infraestruturas da ilha, que depende do turismo e do cultivo da banana.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE