Notícias

Cenas explícitas de sexo em 'Pobres Criaturas' são 'honestas', defende Emma Stone

A atriz declarou que sua personagem no filme indicado ao Oscar 'não tem vergonha do próprio corpo'

Cenas explícitas de sexo em 'Pobres Criaturas' são 'honestas', defende Emma Stone -  (crédito: SEARCHLIGHT PICTURES)
Cenas explícitas de sexo em 'Pobres Criaturas' são 'honestas', defende Emma Stone - (crédito: SEARCHLIGHT PICTURES)
BBC
BBC News
postado em 17/01/2024 17:12 / atualizado em 17/01/2024 22:07

A atriz Emma Stone defendeu as cenas de sexo explícitas no filme Pobres Criaturas, dirigido por Yorgos Lanthimos. Ela disse que as cenas são fiéis à experiência da personagem.

No filme, Stone interpreta Bella, uma mulher que é trazida de volta à vida por um cientista pouco convencional. Ele usa o cérebro do filho dela, que ainda não nasceu, para fazer a ressuscitação.

Os espectadores acompanham a jornada de Bella enquanto ela experimenta o mundo de novo e desfruta um despertar sexual.

"Bella é completamente livre e sem vergonha do próprio corpo", declarou Stone, em entrevista à Radio 4, da BBC.

O filme, que está cotado para ser um dos destaques do Oscar deste ano, atraiu a atenção pelas cenas de nudez e sexo.

Leia também:

"A ideia é ser fiel à experiência de Bella. Isso representa grande parte da experiência e do crescimento dela, como me parece acontecer para a maioria das pessoas na vida", explicou Stone.

"Mas eu vejo este apenas com um entre muitos aspectos da vida dela — há também as descobertas sobre comida, filosofia, viagens e dança. O sexo é um outro aspecto. Bella é completamente livre e sem vergonha do corpo. Ela não sabe ficar envergonhada, não tenta encobrir as coisas e mergulha na experiência completa em todos os aspectos."

"Então o filme não poderia fugir disso ou cortar esse aspecto da vida dela porque a nossa sociedade funciona de uma maneira específica... Isso pareceria uma falta de honestidade sobre quem é Bella."

"Não sou uma pessoa que só quer ficar nua o tempo todo, mas sou alguém que quer honrar a personagem da forma mais completa possível. Isso faz parte da jornada de Bella", completou Stone.

Lanthimos, que também dirigiu Stone em A Favorita, que venceu o Oscar em 2019, disse que a premissa do novo filme "permite que um ser humano, em particular uma mulher, conheça o mundo em seus próprios termos e comece de novo, a partir do zero, sem estruturas sociais".

Pobres Criaturas, baseado no livro homônimo escrito por Alasdair Gray, também é estrelado por Mark Ruffalo.

O filme vem acumulando troféus desde que ganhou o prêmio principal no Festival de Cinema de Veneza, em setembro. Ele está programado para estrear nos cinemas brasileiros no dia 1º de fevereiro.

Stone ganhou o prêmio de Melhor Atriz em Comédia/Musical no Globo de Ouro, realizado no início de janeiro.

No mesmo evento, Pobres Criaturas também ganhou como Melhor Filme de Comédia/Musical.

Tags

Gostou da matéria? Escolha como acompanhar as principais notícias do Correio:
Ícone do whatsapp
Ícone do telegram

Dê a sua opinião! O Correio tem um espaço na edição impressa para publicar a opinião dos leitores pelo e-mail sredat.df@dabr.com.br

-->