Formatura

Bolsonaro participa de evento ao lado do governador em exercício do Rio

Sem máscara, o presidente dividiu o palanque com o governador em exercício do Rio, Cláudio Castro (PSC)

Ingrid Soares
postado em 10/09/2020 11:57 / atualizado em 10/09/2020 11:59
 (foto: Alan Santos/PR)
(foto: Alan Santos/PR)

O presidente Jair Bolsonaro participou, na manhã desta quinta-feira (10/9), da cerimônia de formatura do Curso Especial de Habilitação para Promoção a Sargento, no Rio de Janeiro, no Centro de Instrução Almirante Alexandrino (CIAA). Sem máscara, o presidente dividiu o palanque com o governador em exercício do Rio, Cláudio Castro (PSC).

Também estiveram presentes o ministro da Defesa, o general Fernando Azevedo e Silva, o ministro chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno e o deputado federal, Hélio Lopes (PSL-RJ). Durante o discurso na solenidade, Bolsonaro parabenizou os militares e se disse honrado pelo convite.

“O mar está na alma do marinheiro assim como o amor à pátria está em todos os nossos corações. Primeiro, meu muito obrigado a Deus pela minha vida e obrigada ao povo brasileiro representado por vocês e quem nos assiste de forma remota, pela missão de conduzir os destinos desse imenso e querido Brasil. É uma honra estar aqui. É um orgulho principalmente também por estar nessa terra maravilhosa chamada Rio de Janeiro onde aprendi e muito nos bancos escolares e militares de onde fui projetado para o meio político”, declarou.

Bolsonaro destacou ainda o orgulho pelas Forças Armadas, Marinha e Exército e ressaltou que as corporações juntamente ao governo são “os verdadeiros guardiões da democracia” e que “tudo farão pela liberdade”.

“Prezados formandos, esse é o momento que marcará a vida de cada um dos senhores como marcou a minha e a vida também dos presentes. É um degrau atingido que demonstra e comprova a dedicação, o empenho e a renúncia de muita coisa para se conseguir uma formatura. Todos nós nos orgulhamos das nossas Forças Armadas, nós, Marinha, Exército e Aeronáutica. O povo bem comprova que nós estamos no caminho certo e que nós somos os verdadeiros guardiões da nossas democracia e tudo faremos pela nossa liberdade”, concluiu.

No começo da tarde, Bolsonaro retorna para Brasília e participa da sessão solene de posse de Luiz Fux e Rosa Weber nos cargos de presidente e vice do Supremo Tribunal Federal (STF). Nessa quarta-feira(9/9), o ministro Dias Toffoli comandou a última sessão como presidente da Côrte.

Crivella

A assessoria do prefeito Marcelo Crivella afirmou que ele participou do evento. No entanto, ele não apareceu na transmissão ao vivo feita pela TV Brasil, mas fotos divulgadas pelo Planalto mostram ele recepcionado Bolsonaro. Crivella é alvo de uma operação do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e da Polícia Civil. Ainda nesta manhã, agentes apreenderam um telefone celular do prefeito.

Segundo a polícia, a operação visa investigar possível organização criminosa e esquema de corrupção no âmbito da administração municipal carioca. A ação ainda é desdobramento da primeira fase da Operação Hades que mira o chamado "QG da Propina" da Prefeitura do Rio, por suposto esquema de pagamentos propina para a liberação de pagamentos da prefeitura.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação