Governo

Bolsonaro: "Deus nos deu até a hidroxicloroquina"

Durante discurso em Pernambuco, presidente exaltou a substância, que não tem eficiência comprovada para o tratamento contra o novo coronavírus

Ingrid Soares
postado em 01/10/2020 14:02
Sempre que pode, Bolsonaro faz propaganda do medicamento como eficiente para o tratamento precoce da covid-19 -  (crédito: Marcelo Camargo/Agencia Brsil)
Sempre que pode, Bolsonaro faz propaganda do medicamento como eficiente para o tratamento precoce da covid-19 - (crédito: Marcelo Camargo/Agencia Brsil)

O presidente Jair Bolsonaro classificou a hidroxicloroquina como a solução enviada por Deus contra a covid-19. A exaltação foi feita durante discurso na cerimônia de inauguração da primeira fase da segunda etapa do sistema adutor do Pajeú, em São José do Egito (PE), na tarde desta quinta-feira (01).

 “Deus foi tão abençoado que nos deu até a hidroxicloroquina para quem se acometer da doença”, sentenciou. Ele também voltou a criticar governadores e prefeitos pelas medidas de restrição e isolamento adotadas em meio a pandemia.

“Alguns políticos fecham tudo durante a pandemia. Eu sempre falei não tem que fechar nada, não tem que prender ninguém em casa. Temos que zelar pelos mais idosos, aqueles que estão mais passíveis de adquirir o vírus e ter um problema mais grave. Fora isso, tínhamos que trabalhar. E, mais ainda, Deus foi tão abençoado que nos deu até a hidroxicloroquina para quem se acometer da doença. E quem não acreditou, engula agora. Não sou médico, mas sou ousado como um cabra da peste nordestino. Nós temos que buscar uma solução para os nossos problemas e ela apareceu”, salientou.

A cloroquina e sua derivada, ahidroxicloroquina, não possuem eficácia científica comprovada contra o novo coronavirus.

Em clima de campanha, Bolsonaro pediu aos apoiadores que “caprichassem” na escolha de prefeitos nas eleições municipais e escolhessem um candidato patriota e com “Deus no coração”.

“Vamos caprichar para escolher prefeito e vereador, vamos escolher gente que tenha Deus no coração, que tenha na alma um patriotismo e queira, de verdade, o bem do próximo. Deus , pátria e família”, sugeriu.

Superando Lula

Presente à cerimônia, Gilson Machado, presidente da Embratur, afirmou que o presidente conquistou o povo nordestino, que, antes, amava o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "O Nordeste não gosta do PT, gosta é de governo", afirmou.

Após o evento, Bolsonaro seguiu em visita às obras do Ramal do Agreste na estação de bombeamento VII (EBVII-1), integrante do Projeto de Integração do Rio São Francisco, em Sertânia (PE). A previsão é de que Bolsonaro retorne no final da tarde para Brasília, de onde transmitirá a tradicional live nas redes sociais.

Aglomeração na Paraíba

Mais cedo, Bolsonaro desembarcou na Paraíba. E, antes de seguir para a cerimônia de inauguração da primeira fase da segunda etapa do sistema adutor do Pajeú, em São José do Egito (PE), o chefe do Executivo cumprimentou apoiadores na chegada ao aeroporto João Suassuna, em Campina Grande. Sem máscara, distribuiu apertos de mão e, na aglomeração, tirou selfies.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação