FÃ ILUSTRE

"Não mude em nada", diz Silvio Santos a Bolsonaro sobre gestão do presidente

Sem máscaras, ambos trocaram elogios após entrega de selo comemorativo em razão dos 90 anos de Silvio. Apresentador se disse agradecido e aconselhou o presidente a "continuar assim como está"

Ingrid Soares
postado em 16/12/2020 15:51 / atualizado em 16/12/2020 15:58
 (crédito: Reprodução / Redes Sociais)
(crédito: Reprodução / Redes Sociais)

O apresentador e comunicador Silvio Santos completou 90 anos no último dia 12/12. Em comemoração, ele recebeu nessa terça-feira (15) um selo comemorativo dos Correios entregue pessoalmente pelo presidente Jair Bolsonaro. O vídeo foi postado nas redes sociais do mandatário. Após a entrega, ambos trocaram elogios. Silvio se disse agradecido e aconselhou o presidente a “não mudar nada” e “continuar assim como está”.

“Te agradeço, sinceramente por trazer essa recordação. E só espero que você não mude nada. Continue assim como está. Não precisa fazer discurso, nem nada. O povo gosta de você como você é. Igual a mim. O povo fala: 'O Silvio Santos tem carisma'. O que é carisma? Eu não sei, não se aprende na escola, é carisma. É inexplicável. Assim como você. O pessoal gosta do Bolsonaro da maneira que o Bolsonaro é”, apontou o dono do SBT.

Ele emendou também que gostou ainda mais da homenagem por ter recebido das mãos de Bolsonaro. "Sinceramente, eu gosto muito mais de ter recebido da tua mão, porque eu simpatizo com você. O por quê eu não sei”, disse rindo.

Carisma

Já o chefe do Executivo falou sobre imortalizar ainda em vida os feitos de Silvio Santos. “Nos sentimos honrados em ganhar esse selo, afinal de contas, o senhor também tem um carisma que ninguém consegue entender. Está na sua maneira de lidar, está no sangue, está na sua simpatia, no teu sorriso característico e assim sendo, nada como em vida, imortalizar a sua pessoa aqui no Brasil”, concluiu.

Esteve presente no encontro o ministro das Comunicações, Fábio Faria, que é casado com Patricia Abravanel, uma das filhas de Silvio Santos. O presidente dos Correios, Floriano Peixoto, também compareceu.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE