PASSAPORTE DE VACINAS

Mário Frias diz que Cultura não adotará "abominável passaporte de vacinação"

No Twitter, o chefe da Secretaria Especial de Cultura anunciou que nenhum órgão vinculado a pasta irá adotar o passaporte nem permitirá que prefeituras forcem o documento

Cristiane Noberto
postado em 24/09/2021 21:32 / atualizado em 24/09/2021 21:40
 (crédito: Instagram/ reprodução )
(crédito: Instagram/ reprodução )

O secretário especial de cultura, Mário Frias, anunciou que a pasta não irá adotar o passaporte de vacinação. Por meio de seu Twitter pessoal, nesta sexta-feira (24/9), o ex-ator ainda afirmou que não aceitará que prefeituras passem por cima da decisão.

“Nenhum prefeito irá decidir o que os órgãos vinculados a mim irão ou não fazer. Não aceitarei fazer parte do teatrinho autoritário sanitarista. Nas entidades vinculadas da Cultura não iremos adotar o abominável passaporte de vacinação, ponto final”, escreveu o secretário no Twitter. Ou seja, museus e outros espaços culturais ligados ao Governo Federal não irão adotar o passaporte. 

Mário Frias ainda destacou que a decisão vale para qualquer órgão vinculado à pasta. “Decreto municipal não irá mudar isso. Reforçarei o ofício para todas as entidades vinculadas. Essa discriminação ilegal não irá prosperar na minha gestão”, escreveu.

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE