LIRA NO STF

No STF, Lira defende legalidade emendas de relator, o orçamento secreto

Fux afirmou que a proposta será votada por meio de julgamento virtual, que se iniciará a partir das 00h desta terça (9/11)

Cristiane Noberto
postado em 08/11/2021 21:50
 (crédito: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados)
(crédito: Zeca Ribeiro/Câmara dos Deputados)

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), defendeu a legalidade das emendas de relator (RP9) ao ministro Luiz Fux, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF),nesta segunda-feira (8/11). Por 45 minutos, o chefe da Casa argumentou sobre as legalidades dos atos legislativos.

Estiveram presentes no encontro o primeiro-vice presidente do Senado, Veneziano Vital do Rego (MDB-PB), o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE) e o deputado Hugo Leal (PSD-RJ).

O presidente da Câmara entrou e saiu sem conversar com os jornalistas. Por mais que os parlamentares tenham argumentado os ritos para execução das emendas, Fux afirmou que a proposta será votada por meio de julgamento virtual, que se iniciará a partir das 00h desta terça (9/11). 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE