71 anos: confira a trajetória de Steven Spielberg

O cineasta fez aniversário na última segunda-feira (18/12), conheça um pouco de sua história

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 19/12/2017 16:00 / atualizado em 19/12/2017 16:12

ANGELA WEISS


US$ 8,5 bilhões. Esse é o valor que o cineasta Steven Spielberg conseguiu arrecadar ao longo de 71 anos de vida para a indústria do entretenimento. O mundialmente famoso Spielberg fez aniversário na última segunda-feira (18/12) e o grande balanço de sua carreira pode ser resumido como: sucesso.
 
O jovem Spielberg, filho de país separados, começou sua carreira com o comum uso das cameras Super-8, famosas na década 1950 e 1960. Acostumado a filmar as próprias irmãs em cenas caseiras, o cineasta venceu aos 13 anos o primeiro concurso de curta-metragem, com a película Fuga do inferno

Foi nessa época que o cineasta buscou se profissionalizar na arte do cinema, porém, não encontrou um caminho fácil. Spielberg não conseguiu entrar na Universidade da Califórnia, nem no renomado departamento de filmes da University of Southern California. Mas esses obstáculos não foram o suficiente para desanimá-lo, o cineasta entrou em uma universidade estadual, onde começou sua produção profissional. Era o primeiro passo para a chegada de grandes títulos aos cinemas.
 
Por photo by Alan Light, CC BY 2.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=2625835

Blockbusters

O primeiro contrato oficial de Spielberg foi com os estúdios Universal, em que ele dirigiu Encurralado, em 1972. Nesse período ele também dirigiu algumas produções para a TV, mas o que marcou mesmo sua carreira foi Tubarão. O verdadeiro clássico de 1975 foi um dos grandes blockbusters da década de 1970, arrecadando U$ 100 milhões, e dando um título, que o cineasta carrega com orgulho: o de pop.

Em 1982, E.T., o extraterrestre consagrou a popularidade de Spielberg e dessa vez levou-o até os palcos do Oscar. As aventuras de Indiana Jones também bateram recorde de bilheteria a Spielberg.  Mas nada foi comparado a Jurassic Park, em 1993o.
  
Reprodução/Internet

Oscars

Se a popularidade e os sucessos de bilheterias já são bons, ser aceito pela Academia é melhor ainda, e advinha só: isso Spielberg também conseguiu. O filme A lista de Schindler foi o que o levou até a estatueta de Melhor Diretor. O longa era um projeto pessoal do cineasta judeu – que retrata o drama do povo de Israel na 2ª Guerra Mundial.
 
Reprodução da Internet
 

O tema de guerra, que é especialmente sensível ao diretor, também foi o responsável por dar a Spielberg a segunda estatueta de Melhor Diretor com o filme O resgate do soldado Ryan em 1998.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.