Futura procuradora-geral, Dodge escolhe principais nomes para gabinete

Os escolhidos têm atuação em temas referentes a direitos humanos, meio ambiente, combate à corrupção, patrimônio público e combate à corrupção

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 22/08/2017 17:22 / atualizado em 22/08/2017 19:34

Marcelo Camargo/Agência Brasil
 
A futura procuradora-geral da República, Raquel Dodge, escolheu Luciano Mariz Maia como vice. Além disso, designou quem serão os detentores dos cargos mais importantes de seu gabinete e de toda a estrutura do Ministério Público Federal (MPF), que, a partir de 18 de setembro, começa a trabalhar sob sua gestão.
 
O vice-procurador-geral eleitoral será o deputado Humberto Jaques de Medeiros e Zani Cajueiro será secretária-geral do MPU. Ao todo, Dodge divulgou 12 nomes de procuradores de carreira que terão cargos na futura administração do órgão.
 
 
Conforme antecipou o Correiona edição de 15 de julho, os procuradores regionais Alexandre Camanho, Alexandre Espinosa, Raquel Branquinho e José Alfredo de Paula Silva estão entre os escolhidos por Dodge.
 
Segundo a PGR, “os atos de nomeação e de designação vão ser publicados após a posse e os indicados integram os trabalhos de transição”. Em nota, a procuradoria-geral informou que, ao definir sua equipe, Raquel Dodge levou em consideração a experiência jurídica e a qualificação profissional dos procuradores, além de observar quem obtinha conhecimento sobre os problemas que o país enfrenta.
 
Os escolhidos têm forte atuação em temas referentes a direitos humanos, meio ambiente, combate à corrupção, patrimônio público e combate à corrupção. “Convidamos especialistas nas matérias que mais afligem a população brasileira”, resumiu a futura procuradora-geral.

 
Veja a lista completa de nomes e de cargos que integram o gabinete de Raquel Dodge

 
Vice procurador-geral da República: Luciano Mariz Maia
Vice procurador-geral eleitoral: Humberto Jacques de Medeiros
Secretária-Geral do MPU: Zani Cajueiro
Secretária de Função Penal Originária do STF: Raquel Branquinho
Membros da Secretaria de Função Penal Originária no STF: Lauro Cardoso e Marcelo Ribeiro Oliveira
Grupo de trabalho Lava-Jato: Alexandre Espinosa e José Alfredo de Paula Silva  
Secretário-Geral Jurídico: Marcelo Camanho
Secretária de Cooperação Jurídica Internacional: Cristina Schawnsee Romanó
Secretaria de Pesquisa e Análise e Secretário Pericial: Pablo Coutinho Barreto
Coordenador do Grupo Executivo Nacional da Função Eleitoral: Signey Pessoa Madruga
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.