Publicidade

Correio Braziliense

Buscas por brasiliense na Chapada dos Veadeiros já duram quatro dias

Jacob Vilar Santana está desaparecido desde domingo, após ser surpreendido por uma tromba d'água, no Vale da Lua


postado em 05/12/2019 12:24 / atualizado em 05/12/2019 15:22

Jacob desapareceu no Vale da Lua, arrastado pela água(foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)
Jacob desapareceu no Vale da Lua, arrastado pela água (foto: Reprodução / Arquivo Pessoal)
As buscas pelo brasiliense Jacob Vilar Santana, 31 anos, na Chapada dos Veadeiros, continuam, nesta quinta-feira (5/12). Por volta das 8h30, os militares reiniciaram as operações do dia.

Jacob está desaparecido desde domingo (1º/12), após ser surpreendido por uma tromba d’água, no Vale da Lua, na região de Alto Paraíso (GO).

Segundo o Corpo de Bombeiros de Goiás (CBMGO), na quarta-feira, com o uso de aeronave, os militares percorreram mais de 10km abaixo do local que Jacob estava quando foi arrastado pela correnteza.

O Corpo de Bombeiros do Distrito Federal (CBMDF) ajuda nas operações e as equipes se revezam nas diligências por água, terra e ar.

Colete encontrado 

No fim da tarde de segunda-feira (2/12), voluntários que auxiliam nas buscas pelo brasiliense encontraram o colete usado por ele no momento em que foi surpreendido pelo aumento do volume do rio. O equipamento de segurança foi achado em um trecho próximo de onde Jacob foi visto pela última vez, no domingo.

Ele e a namorada estavam com um grupo de amigos, quando foram surpreendidos pelo aumento repentino do volume da água, no Vale da Lua. Ela também foi levada pela correnteza, mas conseguiu se segurar em uma pedra e ser resgatada pelos amigos com uma corda.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade