Publicidade

Correio Braziliense

Com atraso na liberação do corpo, Kyara é enterrada no início da noite

Sepultamento estava agendado para as 17h, mas ocorreu somente às 19h. Criança de 2 anos foi uma das vítimas de incêndio em Samambaia, no domingo (21/2). Padrasto da menina também faleceu


postado em 25/02/2020 20:31 / atualizado em 25/02/2020 20:31

Mãe de Kyara chegou ao local muito abalada (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Mãe de Kyara chegou ao local muito abalada (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Kyara Pereira,
2 anos, vítima de incêndio residencial em Samambaia, neste domingo (23/2), foi enterrada no início da noite desta terça-feira (25/2), no cemitério Campo da Esperança, em Taguatinga. O sepultamento, que estava agendado para as 17h30, começou com quase duas horas de atraso, devido a demora para liberação do corpo, segundo familiares. 

A mãe chegou ao local muito abalada e apoiada por familiares. A garota foi enterrada ao som de músicas religiosas e muita emoção. Os familiares ainda pediram orações para as crianças que estão internadas

Enterro ocorreu por volta das 19h(foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Enterro ocorreu por volta das 19h (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
 
A professora Suzane Ferreira de Castro, 33 anos, lembra do jeito encantados da garota na creche. "Ela era uma criança maravilhosa e gostava muito de boneca. Ela ficava reproduzindo com os brinquedos o que a gente fazia com as crianças. Quando ela começava a dar birra, a gente chamava ela de princesa e ela parava, porque dizia que princesa não dava birra", lembra a educadora, em lágrimas.

Os presentes ainda fizeram homenagearam, com uma salva de palmas, Daniel Pereira, pai da recém-nascida de 6 meses e padrasto de Kyara. Ele morreu no incêndio ao tentar salvar as crianças. O enterro dele está agendado para esta quarta-feira, às 15h, no Campo da Esperança da Asa Sul. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade