Cidades

Ibaneis autoriza nomeação de 821 professores: posse deve ser em julho

Cerimônia de posse dos aprovados no último concurso da Secretaria de Educação havia sido adiada em função da pandemia

Mariana Machado
postado em 26/06/2020 13:51
Governador disse que nomeação deve acontecer até 1º de julho O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, esteve, na manhã desta sexta-feira (26/6), com professores aprovados no último concurso público da Secretaria de Educação, e que aguardavam ser chamados para tomar posse. Na praça do Buriti, ele declarou que, até a próxima quarta-feira (1;/7), todos os 821 professores serão chamados.
A cerimônia de posse deveria ter ocorrido em 30 de março, mas, devido à suspensão de aulas e cancelamento de eventos em função da pandemia do novo coronavírus, tudo acabou suspenso, o que gerou um pedido de desculpas do governador. ;Agora já temos, no horizonte, quando vamos voltar às aulas.;
A declaração gerou aplausos do grupo de professores. ;Vão prestar um excelente serviço ao Governo do Distrito Federal (GDF), e tenho muita esperança de que essa pandemia vai passar e a gente vai conseguir recuperar os dias perdidos.;
O diretor do Sindicato dos Professores do Distrito Federal (Sinpro-DF) Claudio Antunes, considera a notícia excelente. ;A gente vinha brigando com o governo há muito tempo para que o quadro de professores fosse recomposto. Estamos com mais de 1,4 mil aposentadorias por ano, desde 2016, e a contratação de efetivos está muito abaixo disso.;
[SAIBAMAIS]Ele explica que, para suprir a demanda, a Secretaria de Educação faz contratações temporárias, e que muitos dos novos convocados já fazem parte desse quadro. ;Mas o temporário fica em condição trabalhista bem precária. Salário menor, menos direitos, e o risco de perder o emprego no dia seguinte.;
De acordo com ele, outros 1,3 mil professores aprovados em outros concursos também aguardam nomeação. ;O ano letivo vai começar em 13 de julho. A gente ressalta que o governo ainda não resolveu o que fazer com os 120 mil estudantes sem computadores nem equipamentos;, critica.
[VIDEO1]
Pela tarde, os professores, sindicato e secretário de Educação Leandro Cruz, se reunem para discutir como será feita a posse.

Convocação

O deputado distrital Claudio Abrantes (PDT) já havia encaminhado pedido formal para que o chefe do Executivo local nomeasse os professores, afirmando que o governo tem condições econômicas e orçamentárias para as contratações.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação