Cidades

Ex-subsecretário envolvido em racha paga fiança e é solto

Wesley Wenisgton Vieira passou por audiência de custódia na tarde desta terça-feira (7/4). O outro envolvido está internado em estado gravíssimo no Hospital de Base

Darcianne Diogo
postado em 07/07/2020 13:07
Segundo motorista envolvido está internado
O subsecretário de Esportes do Distrito Federal, Wesley Wenisgton Vieira dos Santos, acusado de participar de um racha na noite de domingo (5/7), no Noroeste, pagou fiança e foi liberado, após passar por audiência de custódia na tarde desta terça-feira (7/4).

Como consta no processo judicial, ;certificou-se a juntada aos autos cópia da guia de depósito judicial para o pagamento da fiança do indiciado Wesley Wesnigton, bem como cópia do comprovante de pagamento da referida guia;.

O subsecretário foi preso em flagrante, uma hora após o ocorrido. Ele se apresentou na 2; Delegacia de Polícia (Asa Norte), unidade que está a cargo das investigações. O outro envolvido no racha, Pedro Luca Lima, de 22 anos, permanece internado no Hospital de Base. O estado dele é gravíssimo. Wesley responde pelo crime de racha, qualificado por lesão corporal, em que a pena é de 3 a 6 anos. Caso o estado de saúde do segundo condutor se agrave e ele venha a falecer, o subsecretário poderá ter a pena agravada e responderá por racha, seguida de morte.

Entenda o caso

O racha ocorreu por volta das 22h de domingo (5/7), na SQNW 307, Rua W9, no Setor Noroeste. Segundo a ocorrência policial, a disputa envolveu um Audi A4 e uma Mercedes-Benz. Wesley dirigia o Mercedes e fugiu do local após o acidente. O motorista do Audi foi encontrado dentro do veículo preso nas ferragens. Os bombeiros chegaram ao local e o conduziram até o Hospital de Base.

Por volta das 23h15 de domingo, Wesley se apresentou na 2; DP para prestar esclarecimento e, em seguida, foi preso em flagrante.

O segundo condutor, de 22 anos, no entanto, permanece internado na unidade de saúde sob escolta policial e responderá pelo crime de racha. A polícia apura se o carro que ele estava conduzindo, o Audi A4, pertencia a ele, pois no interior do automóvel, agentes encontraram documentos de locadora de veículos.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação