Cidades

'Muita angústia', diz familiar de advogado que desapareceu no Lago Paranoá

O advogado Carlos Eduardo desapareceu durante uma festa privada, com mais 12 pessoas, no Lago Paranoá, no sábado (1º/8). As buscas prosseguem

Sarah Peres
postado em 03/08/2020 17:27
O advogado Carlos Eduardo desapareceu na tarde de sábado;É um momento muito doloroso para toda a família. A cada hora que passa e ficamos sem resposta, a agonia cresce. É muita angústia.; Esse é desabafo de um familiar do advogado Carlos Eduardo Marano Rocha, de 41 anos, feito ao Correio. O homem desapareceu no Lago Paranoá, na área do Setor de Clubes Sul, durante uma ;festa privada; com mais de 12 pessoas, no sábado (1;/8). As buscas pela vítima prosseguem.

Carlos Eduardo, mais conhecido como Dudu, estava em um evento dividido em duas lanchas, no Lago Paranoá. Vídeos obtidos pelo Correio mostram o advogado se divertindo com o grupo, bebendo e conversando. Apesar do número de integrantes na festa, ninguém viu o momento ou o ponto em que o desparecido teria pulado ou caído na água.

Por conta do desaparecimento do advogado, a irmã e o cunhado dele saíram às pressas do Rio de Janeiro (RJ), desembarcando às 13h40 de domingo (2/8) na capital federal. Eles acompanham as buscas, como explica o administrador Leonardo Albuquerque, 42 anos.

;Embora fossem 12 pessoas nas embarcações, o mais impressionante é que ninguém viu nada. Por não ter a área do desaparecimento, as equipes dos bombeiros têm muita dificuldade nas buscas pelo Dudu. O campo de procura é muito grande, e a incerteza nos deixa angustiados. Nós nos sentimos impotentes;, lamenta o cunhado do advogado.

Dúvidas

Ainda segundo Leonardo Albuquerque, uma publicação de Carlos Eduardo no dia do desaparecimento gerou surpresa ,os familiares. Vídeos feitos no sábado (2) mostram o advogado com uma roupa e, em uma publicação do Instagram, feita na tarde do desaparecimento, ele veste um traje diferente.
Publicação em rede social do advogado chama a atenção de familiares e amigos

;Entramos em contato com a pessoa que tirou essa fotografia postada pelo Dudu e ela afirmou que o clique foi realizado uma semana antes. Isso, sem dúvidas, nos deixou surpresos, sobretudo porque ele sumiu em meio a 12 pessoas e ninguém ter visto nada. Claro que não irei entrar no mérito policial e investigativo, mas esperamos que tudo seja averiguado;, destaca.
[VIDEO1]
A família do advogado encontrou o celular dele e o entregou, nesta segunda-feira (3), à 10; Delegacia de Polícia (Lago Sul), que investiga o desaparecimento. ;Nossa esperança é que no aparelho tenha alguma informação que possa auxiliar nas buscas pelo Dudu, e no que for necessário;, finaliza Leonardo.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação