Publicidade

Correio Braziliense

Volta presencial às aulas na rede pública deve começar pelo ensino médio

Ibaneis planeja retomada presencial a partir de 27 de julho para a rede particular e a partir de 3 de agosto para as escolas públicas, de modo escalonado


postado em 01/07/2020 21:08 / atualizado em 01/07/2020 21:25

O governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), está decidido a retomar todas as atividades até agosto. Com relação às escolas, as datas planejadas para a volta física são 27 de julho para a rede particular e 3 de agosto para a rede pública, de modo escalonado
 
Decreto a ser publicado ainda esta semana estabelecerá regras para a retomada (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Decreto a ser publicado ainda esta semana estabelecerá regras para a retomada (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
 
No caso dos colégios públicos, a pretensão é que, na primeira semana, retornem os alunos do ensino médio — que, até mesmo pela idade, podem ter mais consciência e facilidade de seguir regras como ficar mais afastados dos colegas.

A partir da semana seguinte, a ideia é que os estudantes dos outros níveis retornem em levas divididas por idades.

A expectativa é que um decreto seja publicado até sexta-feira (3/7) para trazer detalhes e estabelecer as regras que nortearão a retomada.


Por outro lado, o Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Distrito Federal (Sinepe-DF) informou estar de acordo com esse plano. Até porque o Sinepe-DF preparou um protocolo para recomendar ao governo que previa a retomada até antes disso, em 20 de julho. Inicialmente, a gestão de Ibaneis foi elogiada pela prudência ao lidar com a pandemia.

Decidido a reabrir tudo até agosto, Ibaneis tem sido questionado pelos riscos a saúde que isso pode trazer(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
Decidido a reabrir tudo até agosto, Ibaneis tem sido questionado pelos riscos a saúde que isso pode trazer (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)

Ultimamente, porém, há críticas com relação a seguir com o plano de reabertura no momento em que Brasília chega a um dos momentos mais críticos da crise e o próprio governador declarou estado de calamidade pública, com a capacidade de leitos para pacientes com covid-19 até questionada judicialmente

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
publicidade
Renapsi oferece 48 vagas de jovem aprendiz 18:03 - 02/08/2020 - Compartilhe

Renapsi oferece 48 vagas de jovem aprendiz

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade