Vespasiano

Suspeito de agressão e roubo de bicicleta é espancado até a morte

Suspeito do crime alega que vítima havia agredido e roubado a bicicleta de um senhor. Outros envolvidos no espancamento ainda são procurados

Cristiane Silva - Estado de Minas
postado em 14/09/2021 17:24
 (crédito: Reprodução da internet/Google Maps)
(crédito: Reprodução da internet/Google Maps)

Um jovem de 19 e anos e um adolescente de 16 foram detidos nessa segunda-feira (13/9), suspeitos de participarem da morte de um homem de 32 anos em Vespasiano, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A vítima foi espancada e jogada de uma ponte na tarde daquele dia.

A ocorrência começou quando uma denúncia via 190 informou que havia seis ou oito pessoas agredindo um homem às margens do Ribeirão da Mata, no Conjunto Caieiras. Essa vítima ainda foi vista sendo carregada pelos criminosos.

Quando as viaturas chegaram ao local, o homem foi encontrado às margens do ribeirão inconsciente e com várias lesões pelo corpo. Mais viaturas foram para o local, além de uma ambulância da prefeitura de Vespasiano. A equipe constatou a morte da vítima.

O homem foi reconhecido por duas mulheres, sendo que uma delas tinha um relacionamento com ele havia quatro meses. A equipe da Delegacia de Homicídios da cidade e a perícia começaram o trabalho investigativo e o corpo foi levado pelo rabecão.

Ainda de acordo com a PM, pessoas que não quiseram se identificar disseram que os agressores atuavam em um ponto de venda de drogas da região. Os policiais começaram um rastreamento e encontraram dois dos envolvidos citados.

Um deles, segundo a PM, confirmou a participação e disse que o homem assassinado havia agredido um senhor e roubado a bicicleta dele. Essa vítima de roubo é uma pessoa muito querida por eles e, assim, decidiram se vingar quebrando as mãos do homem.

No entanto, segundo esse suspeito, eles 'perderam o controle' do grupo, que espancou o homem. Um deles teria tentando dar uma marretada na mão da vítima, mas teria acertado a cabeça, na versão do suspeito. Após ser agredido, o homem foi jogado de uma das pontes sobre o ribeirão. A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil na noite passada e a PM ainda tenta localizar os outros agressores.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE