Policial ficou ferido

Lavrador morre após trocar tiros com PM na zona rural de Borda da Mata

Um policial foi atingido com golpes de facão e levado ao hospital. Polícia foi ao local checar denúncia de ameaça e posse ilegal de armas de fogo

Magson Gomes - Portal Terra do Mandu
postado em 14/10/2021 15:45
Revólver calibre 32 usado pelo lavrador e facão que atingiu o PM -  (crédito:  Polícia Militar/Divulgação)
Revólver calibre 32 usado pelo lavrador e facão que atingiu o PM - (crédito: Polícia Militar/Divulgação)

Um lavrador de 68 anos foi morto durante confronto com policiais militares na zona rural de Borda da Mata, no Sul de Minas. A ocorrência foi na noite desta quarta-feira (13/10). Um policial foi atingido por golpes de facão e levado ao hospital com cortes na cabeça e em uma das pernas. Também houve troca de tiros. O idoso, Cézar Lino da Silva, era divorciado e morava sozinho.

Os policiais estiveram na propriedade do lavrador, no Bairro Gaspar, para atender a uma denúncia de ameaça a vizinho e que ele teria posse ilegal de armas de fogo. No dia anterior, o lavrador teria mostrado um revólver ao vizinho durante uma discussão por conta de um gado ter invadido sua propriedade.

Segundo o boletim da PM, uma equipe de quatro militares foram até a propriedade rural, onde o idoso respondeu às primeiras perguntas dos policiais do quintal da casa. Quando foi explicado sobre a denúncia recebida pelo vizinho e que foram até o local para verificar as possíveis irregularidades, o lavrador teria ficado irritado, dizendo que não teria feito nada.

O lavrador retornou para dentro da casa e deixou a porta entreaberta. Um dos militares se aproximou e continuou a falar com o morador. Nesse momento, ainda segundo a PM, o idoso reapareceu de posse de um facão e desferiu dois golpes contra o militar. Um dos golpes acertou a cabeça e o segundo pegou próximo ao joelho de uma das pernas.

O policial foi retirado pelos colegas, e o lavrador voltou para o imóvel. Na sequência, o morador teria começado a efetuar disparos na direção dos militares, que revidaram, atirando na direção da casa.

Após uma intensa troca de tiros, segundo o BO, os militares entraram na residência e encontraram o lavrador caído com ferimentos no tórax e abdômen. O homem foi socorrido com vida, mas faleceu a caminho do hospital.

O policial militar, de 33 anos, passou por atendimento no pronto socorro de Borda da Mata e, em seguida, foi transferido para o Hospital das Clínicas Samuel Libânio, em Pouso Alegre. A reportagem apurou que o soldado recebeu pontos nos cortes e deve deixar o hospital ainda nesta quinta-feira (14/10).

O comando do 20º Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo policiamento em Borda da Mata, informou que ‘está adotando todos os procedimentos de Polícia Judiciária Militar que o caso requer’ para a apuração dos fatos.

A perícia da Polícia Civil esteve na propriedade rural onde ocorreu o homicídio.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE