Leste de Minas

Com apenas 5 anos, 'princesa' Malu realiza o sonho de conhecer uma delegacia

A garotinha Malu, de 5 anos, convenceu sua mãe a visitar a delegacia da Polícia Civil, em Governador Valadares, vestida de princesa. E foi recebida com pompa

Tim Filho - Especial para o Estado de Minas
postado em 24/11/2021 18:14
A garotinha Malu, feliz da vida na viatura da Polícia Civil -  (crédito:  Polícia Civil/Divulgação)
A garotinha Malu, feliz da vida na viatura da Polícia Civil - (crédito: Polícia Civil/Divulgação)

A garotinha Malu Rodrigues dos Santos Macedo, de 5 anos, teve um dia especial no fim da tarde de segunda-feira (22/11), no lugar dos seus sonhos: a Delegacia Regional de Polícia Civil de Governador Valadares, no Leste de Minas. Ela foi vestida de princesa e entrou na delegacia como se lá fosse o seu castelo.

Malu, a visitante ilustre, foi à delegacia acompanhada por sua mãe, Fabiany Rodrigues dos Santos Macedo, que se rendeu aos apelos da filha. “Como a gente mora perto da Polícia Civil, sempre que passávamos por lá, ela pedia pra entrar na delegacia e nas viaturas”, contou Fabiany.

Para realizar o desejo da filha, Fabiany fez contato com a inspetoria de investigadores, que rapidamente providenciou a visita real. O pai de Malu, Luiz Bento Macedo, que não se considera um rei, disse que a filha tem a mania de dizer que é princesa.

E revelou que para a visita tão sonhada, a filha escolheu um traje real. “Ah, a gente aceita, não é?”, disse, feliz em contribuir com a realizaçãpo do sonho de sua filha.

Malu foi tratada como uma princesa na delegacia de Valadares e realizou seu sonho
Malu foi tratada como uma princesa na delegacia de Valadares e realizou seu sonho (foto: Polícia Civil/Divulgação)

O inspetor da Polícia Civil, Cássio Dutra, foi quem viabilizou a visita de Malu, atendendo o pedido de Fabiany.

“A mãe dela me procurou e disse que a menina tinha essa curiosidade, de conhecer a delegacia, entrar em uma viatura. Então, fizemos um passeio com ela pelas dependências da Delegacia Regional, fizemos fotos dela vestida de princesa, apresentamos uma viatura caracterizada e mostramos as salas e os servidores. Ela ficou muito satisfeita”, disse.

Malu no colo de sua mãe, Fabiany, com o delegado regional da PCMG, Endgel Rebouças
Malu no colo de sua mãe, Fabiany, com o delegado regional da PCMG, Endgel Rebouças (foto: Polícia Civil/Divulgação)

Depois desse “tour” pelos ambientes da delegacia, Malu entrou no gabinete do delegado regional da Polícia Civil, Endgel Rebouças. Fez fotos e recebeu a devida atenção do policial, encantado com a visitante. Mas será que Malu, daqui a alguns anos, vai ser delegada de polícia?

“Ela vai escolher o melhor para ela, tenho a certeza. Aqui em casa ela tem muitos livros, que ocupam quatro nichos da estante. Desde os 3 anos de idade a gente já ensina a ela que o caminho do conhecimento são os livros”, disse o pai de Malu, que admite a possibilidade da ver a filha deixar de ser princesa e virar dra. Malu Macedo, delegada de polícia. "Quem sabe?", disse.

  • Malu no colo de sua mãe, Fabiany, com o delegado regional da PCMG, Endgel Rebouças
    Malu no colo de sua mãe, Fabiany, com o delegado regional da PCMG, Endgel Rebouças Foto: Polícia Civil/Divulgação
  • Malu foi tratada como uma princesa na delegacia de Valadares e realizou seu sonho
    Malu foi tratada como uma princesa na delegacia de Valadares e realizou seu sonho Foto: Polícia Civil/Divulgação
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE