INCÊNDIO CRIMINOSO

Após ser ameaçada por ex-companheiro, mulher tem a casa incendiada

O suspeito está foragido; campanha solidária está sendo realizada para ajudar a mulher e seus três filhos, que perderam tudo que tinham

Renato Manfrim - Especial para o EM
postado em 12/04/2022 10:37
 (crédito: Blog do Portari/Divulgação)
(crédito: Blog do Portari/Divulgação)

Em Frutal, no Triângulo Mineiro, uma mulher de 26 anos e seus três filhos (um menino de 5, uma meninas de 3 e outra de 1 ano e 7 meses) foram obrigados a morar na casa de seus pais e avós. Isto porque, no início da manhã desse domingo (10/4), perderam praticamente tudo o que tinham após incêndio criminoso atingir a residência deles, no Bairro Nossa Senhora do Carmo.

Ninguém ficou ferido, já que no momento do incêndio a família dormia em casas de parentes.

Segundo relato da mulher ao Blog do Portari, a atitude dela de levar os filhos para passar a noite longe da residência deles aconteceu no sábado (9/4), quando o seu ex-companheiro disse frases ameaçadoras.

O Corpo de Bombeiro de Frutal compareceu à residência da família para apagar o incêndio, mas móveis, eletrodomésticos, roupas, fraldas, alimentos, entre outros objetos, foram destruídos. Além disso, o fogo comprometeu o telhado e a estrutura da casa.

A mulher e seus filhos perderam praticamente tudo que tinham e, agora, vão precisar reconstruir a vida.

O imóvel onde ocorreu o incêndio pertence ao pai da vítima e era alugado pela mesma.

PCMG confirmou que o incêndio foi criminoso

Por meio de nota à reportagem, a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) informou que uma equipe da perícia oficial compareceu ao local do crime, onde foram realizados os primeiros levantamentos e foi instaurado procedimento para apurar o caso. 

“Até o momento (tarde desta segunda-feira, 11/4), não houve prisão”, finalizou a nota.

Campanha solidária

Páginas em redes sociais da imprensa de Frutal se sensibilizaram com o fato e divulgaram o PIX da vítima para quem puder ajudar a família com qualquer quantia.

  • PIX - CPF: 123.945.766-93
  • Nome: Riani de Souza Silva
  • Banco: Mercado Pago

 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE