ACIDENTE

Mulher de 56 anos é atropelada por carro em tesourinha da Asa Sul

Militares do Corpo de Bombeiros levaram a vítima para o Hospital de Base. Ela teve ferimentos na cabeça e dores na perna direita, mas foi encontrada consciente e estável

Darcianne Diogo
postado em 11/11/2020 22:58 / atualizado em 13/11/2020 16:17
Atendimento ocorreu na tarde desta quarta-feira (11/11), na altura da 109 Sul -  (crédito: Ed Alves/CB/D.A Press)
Atendimento ocorreu na tarde desta quarta-feira (11/11), na altura da 109 Sul - (crédito: Ed Alves/CB/D.A Press)

Uma mulher de 56 anos foi atropelada, na tarde desta quarta-feira (11/11), na tesourinha da 109 Sul, próximo a um restaurante. Nas últimas 24h, o Distrito Federal registrou ao menos um outro caso desse tipo de acidente. Na noite de terça-feira (10/11), uma ciclista de 21 anos morreu após ser atingida por um carro, na Quadra 2 do Setor Sul do Gama.

A vítima do acidente no Eixinho, identificada como Eloisa Alves Martins, segundo o Corpo de Bombeiros, foi atropelada por um Audi A3 azul. O motorista não se feriu. Oito militares da corporação prestaram atendimento à pedestre, levada para o Hospital de Base consciente e estável.

Por causa do acidente, Eloisa sofreu ferimentos na cabeça e apresentou dores na perna direita, além de estado de desorientação. Uma das faixas da via precisou ficar interditada durante o atendimento.

Registros

No caso de terça-feira (10/11), Amanda Rocha do Nascimento morreu atropelada enquanto pedalava no Gama. Ela chegou a ser socorrida pelos bombeiros e levada em estado grave ao Hospital Regional do Gama (HRG), mas não resistiu aos ferimentos. 

Até outubro deste ano, o Departamento de Trânsito (Detran-DF) contabilizou 14 mortes de ciclistas. No mesmo período do ano passado, houve 19 registros do tipo. Na segunda-feira (9/11), um homem, ainda não identificado, morreu atropelado na BR-251, em São Sebastião. O condutor do veículo que atingiu a vítima não se feriu.

policial civil aposentado Givelson Carlos Batista da Cunha também foi atropelado. O acidente aconteceu no domingo (8/11), na DF-205, na Fercal. Por causa dos ferimentos, ele foi levado em estado grave para o Hospital de Base e passou por cirurgia de reconstrução da face. O motorista fugiu ao ser abordado por policiais militares e só se apresentou às autoridades no dia seguinte.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE