COVID-19

DF registra 481 casos de covid-19 em 24 horas e tem mais de 243 mil recuperados

O número de infectados pela covid-19 no DF chega a 253.355. Desses, 243.470 pacientes estão recuperados, segundo a Secretaria de Saúde

Darcianne Diogo
postado em 03/01/2021 18:37 / atualizado em 03/01/2021 18:48
 (crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press - 22/4/20
)
(crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press - 22/4/20 )

O Distrito Federal chegou ao total de 253.355 casos confirmados de covid-19, neste domingo (3/1), 481 a mais do que o contabilizado no sábado (2/1), segundo dados do boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde (SES-DF). O levantamento mostra, ainda, que, desse total, 243.470 pacientes se recuperaram da doença e uma pessoa morreu em decorrência das complicações causadas pelo novo coronavírus. 

A morte foi registrada pela SES-DF neste domingo, mas ocorreu em 14 de dezembro. Tratava-se de uma acriana, da faixa etária de 40 e 49 anos, que apresentava comorbidades e estava internada no hospital do DF. O número de mortes causadas pela covid-19 chega a 4.269, sendo que 3.913 dos pacientes residiam no DF, 331 do Entorno de Goiás e 25 de outras unidades da Federação. 

Do total de pessoas diagnosticadas com o novo coronavírus, a maioria (66.634) tem entre 30 e 39 anos. Em seguida, pacientes com idades entre 40 e 49 anos aparecem em segundo lugar (55.181), seguido por aqueles que têm de 20 a 29 anos (46.536). 

Regiões

A região Sudoeste do DF — que abrange Águas Claras, Recanto das Emas, Samambaia, Taguatinga e Vicente Pires — aparece em primeiro lugar com o maior número de notificações.

Taguatinga tem 20.621 casos, seguida por Águas Claras (13.709), Samambaia (15.127), Recanto das Emas (6.405) e Vicente Pires (4.728). 

  • Uma enfermeira registrada administra a primeira dose da vacina Pfizer-BioNTech Covid-19 a um profissional de saúde da linha de frente sob uma autorização de uso de emergência em um local de vacinação da Renown Health em 17 de dezembro de 2020 em Reno, Nevada.
    Uma enfermeira registrada administra a primeira dose da vacina Pfizer-BioNTech Covid-19 a um profissional de saúde da linha de frente sob uma autorização de uso de emergência em um local de vacinação da Renown Health em 17 de dezembro de 2020 em Reno, Nevada. Foto: Patrick T. Fallon / AFP
  • A pharmacist dilutes the Pfizer COVID-19 vaccine while preparing it to administer to staff and residents at the Goodwin House Bailey's Crossroads, a senior living community in Falls Church, Virginia, on December 30, 2020. / AFP / Brendan Smialowski
    A pharmacist dilutes the Pfizer COVID-19 vaccine while preparing it to administer to staff and residents at the Goodwin House Bailey's Crossroads, a senior living community in Falls Church, Virginia, on December 30, 2020. / AFP / Brendan Smialowski Foto: AFP / Brendan Smialowski
  • Um funcionário usando EPI coleta um cotonete de uma mulher para testar o coronavírus Covid-19, fora da boate Berlin KitKatClub, transformado em um centro de testes de coronavírus, em 23 de dezembro de 2020 em Berlim.
    Um funcionário usando EPI coleta um cotonete de uma mulher para testar o coronavírus Covid-19, fora da boate Berlin KitKatClub, transformado em um centro de testes de coronavírus, em 23 de dezembro de 2020 em Berlim. Foto: STEFANIE LOOS / AFP
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE